Escrito por: Marcelo Melo

O custo de vida em Dublin é atraente para intercâmbio de inglês?

Entenda o custo de vida em Dublin e saiba porque a cidade está entre uma das mais procuradas por brasileiros para morar na Irlanda.

Início » Blog IE Intercâmbio » O custo de vida em Dublin é atraente para intercâmbio de inglês?

Conhecer a fundo a cultura irlandesa, morar fora e, consequentemente, o custo de vida em Dublin parece estar entre os grandes desejos de muitos viajantes.

O destino é um dos mais procurados pelos estudantes brasileiros para estudar inglês e trabalhar, por isso, a importância de entender melhor sobre o custo de vida em Dublin

Continue com a leitura do artigo, e entenda então quanto é o custo de vida em Dublin para começar a planejar sua viagem dos sonhos.

Conheça mais sobre o custo de vida em Dublin

Atualmente, a metrópole é considerada uma cidade globalizada e o principal centro econômico e cultural irlandês, atraindo cada vez mais interessados pela cultura local.

O custo de vida em Dublin é o mais alto da Irlanda, mesmo assim, é ainda mais baixo do que muitas outras metrópoles européias como Zurique, Genebra, Londres e Oslo.

São diversas experiências proporcionadas pela cidade irlandesa, como gastronomia, conhecer uma nova cultura, tradicional e cheia de símbolos, histórias e crenças.

A princípio, os principais itens que compõem o custo de vida em Dublin são:

  • Moradia/aluguel
  • Transporte
  • Alimentação/mercado
  • Contas de casa – gás, lixo, água, energia
  • Comunicação – celular, internet
  • Lazer

Mas, definitivamente, os fatores que mais impactam no custo de vida em Dublin são o aluguel e o transporte.  

Assim, você pode economizar buscando lugares para morar (e compartilhar acomodação com outra pessoa) fora do centro da cidade.

Dessa forma, além de economizar no valor do aluguel, você também pode conhecer novos cenários através de diferentes caminhos, enriquecendo ainda mais a experiência.

Além disso, existem opções como residências estudantis e casas de família, que também são ótimas alternativas de acomodação.

Assim também, dá para economizar muito no transporte se você optar por opções mais saudáveis e sustentáveis, como caminhar e andar de bicicleta, hábitos já incorporados pelos residentes de Dublin.

Quanto custa morar na Irlanda?


O custo de vida em Dublin e na Irlanda de forma geral é maior que o do Brasil.

Mas o que atrai a atenção de imigrantes, é o recebimento de salário, proporcionalmente elevado devido a valorização da moeda da Irlanda.

Além disso, sabia que o salário mínimo na Irlanda é um dos maiores do mundo?

O custo-benefício de morar no país, no entanto, é um dos fatores decisivos para estudantes que procuram esse tipo de experiência de estudo do idioma e trabalho.

Ainda que os gastos sejam pessoais, é possível exemplificar a média de gastos de um estudante semanalmente. É importante lembrar ainda, que a moeda da Irlanda, é o Euro €:

  • Alimentação: € 100 a 150 por mês em supermercado.
  • Aluguel de um quarto single: € 600 a 650.
  • Aluguel em quarto compartilhado: € 350 a 400.
  • Lazer: € 100 a 150.
  • Contas da casa: € 30 a 60.
  • Transporte: € 80 a 90.

Qual é o valor do salário mínimo na Irlanda?

O valor do salário mínimo na Irlanda é de € 10,50 (2022) por hora trabalhada.

Dessa forma, a renda per capita da Irlanda é uma das mais altas da Europa, sendo um dos motivos para a grande procura por intercambistas que desejam, além de estudar, trabalhar na região.

Quais países conhecer, saindo de Dublin?

Uma das maiores vantagens de morar na Irlanda é, sem dúvida, a facilidade de acesso a outros destinos incríveis, capazes de proporcionar novas experiências aos viajantes.

Viva uma experiência de trabalho na Irlanda e de quebra estude inglês!

Saindo de Dublin, é possível conhecer:

  1. Faro, em Portugal.
  2. Oslo, na Noruega.
  3. Ilha de Malta, em Malta.
  4. Amsterdam, na Holanda.
  5. Atenas, na Grécia.
  6. Bruxelas, na Bélgica.
  7. Londres, na Inglaterra.
  8. Marrakesh, no Marrocos.
  9. Glasgow e Edimburgo, na Escócia.
  10. Sevilha, na Espanha.

Entre as cidades irlandesas, ainda é possível realizar o trajeto via transporte público de qualidade, tanto a passeio quanto em qualquer outra circunstância.

Por meio do Leap Card, estudantes pagam ainda menos ao pegar um Dublin Bus, o trem intermunicipal, chamado de Dard e o Luas, sistema de trem urbano.

O cartão também dá desconto e acesso a restaurantes e lojas.

O que comer na Irlanda?

Como dica para economizar nos gastos para morar na Irlanda, sugerimos a compra mensal em supermercados, e gastos pontuais em lazer com outras experiências gastronômicas.

No entanto, para que a viagem à Dublin seja completa, é preciso viver o máximo que a Irlanda pode proporcionar, em diversos quesitos.

Entre eles, citaremos algumas de suas bebidas e comidas mais tradicionais, para que sua experiência seja ainda mais enriquecedora e completa:

  1. Batatas, mas não somente como acompanhamento. Muitos irlandeses comem a igual como prato principal.
  2. Irish breakfast, ou café da manhã irlandês, com tomates, cogumelos, linguiça, batata, ovo e até feijão. O acompanhamento fica por dentro do café ou chá.
  3. Shepherd’s Pie, que nada mais é, do que um “escondidinho” de carne moída com purê de batatas gratinadas.
  4. Chicken roll, que se apresenta como uma baguete com maionese ou manteiga, recheada com alface e frango empanado.
  5. Breakfast roll, que é uma versão do chicken roll, mas ao invés de frango, conta com os ingredientes do irish breakfast.
  6. Bacon and cabbage, também chamado de bacon com repolho, consiste em uma receita antiga irlandesa com bacon, repolho e molho de ervas.
  7. Fish and chips, que também é um prato típico da Austrália e da Inglaterra. O prato é uma mistura simples de peixe empanado e batatas fritas.
  8. Ostras, também conhecidas como Ostras de Galway são muito famosas e fazem a alegria dos fãs de frutos do mar.
  9. Cerveja Guinness, que é um grande símbolo da Irlanda, de classificação stout (cerveja preta) e facilmente encontrada pelos famosos pubs do país.
  10. Irish Coffee, ou café irlandês, teve sua receita criada logo após a Segunda Guerra Mundial e tem em seus componentes creme de leite fresco e uísque.

Como se divertir em Dublin?

A cidade de Dublin, por si só, já é um espetáculo a céu aberto e também fechado em seus muitos cenários históricos.

Dessa forma, entre as maiores atrações para turistas, podemos citar os museus, obras de artes plásticas, shows, apresentações teatrais, musicais e os próprios pubs.

No entanto, é importante estar ciente, principalmente ao morar na Irlanda, que entrar em um pub pode ser um ótimo negócio, com entradas gratuitas e alguns drinks podem custar, em média, € 10 e algumas cervejas (500 ml), € 6.

Em suma, de acordo com os fatores relacionados acima, o custo de vida em Dublin pode ser bem atraente para estudar inglês, sobretudo se o estudante trabalhar por meio período.

Agora, veja abaixo alguns dos principais pontos turísticos em Dublin que você não pode deixar de conhecer durante sua estadia em uma das cidades mais charmosas da Europa:

  1. Museu de História Natural;
  2. Trinity College (a universidade mais tradicional de Dublin);
  3. Guinness Storehouse;
  4. Temple Bar (bar e bairro muito populares em Dublin);
  5. Phoenix Park;
  6. Dublin Castle.

Como escolher apartamento em Dublin?

A maior parte dos estudantes que fazem intercâmbio em Dublin optam pelo aluguel de um quarto, que pode ser tanto compartilhado quanto individual.

E entre as opções online, é possível sugerir as seguintes:

  • Student: Site de locação direcionado a estudantes.
  • Nestpick: Quartos e apartamentos que já estão mobiliados, prontos para passar a temporada.

Aproveite melhor o custo de vida em Dublin com a IE

A IE tem o melhor programa de estudo e trabalho para quem quer fazer um intercâmbio em Dublin inesquecível.

O programa de estudos tem duração mínima de 25 semanas, com carga horária mínima de 15 horas por semana.

Além disso, o tempo de trabalho acompanha a duração do tempo de estudos, sendo permitidas 20 horas semanais durante as atividades, e 40 horas semanais durante feriados e férias.

Dessa forma, as temporadas mais procuradas para o programa são as de verão e inverno, onde as ofertas de trabalho são maiores e melhores.

Sendo assim, a Ilha da Esmeralda permite que estudantes trabalhem após a confirmação de matrícula, em diversas oportunidades, como:

  • Barista.
  • Nanny.
  • Cleaner.
  • Garçon/garçonete em bares, pubs e restaurantes.
  • Bargirl/barman.
  • Recepcionista de hotel.

A busca pelo emprego ideal é individual, mas a IE também oferece a possibilidade de orientação para esse processo.

E como dito anteriormente, você ainda pode trabalhar por um período de 20 horas semanais enquanto estuda, e full time durante as férias e os feriados.

Essa é uma excelente maneira de viver como um verdadeiro irlandês por um tempo, podendo ainda juntar uma renda extra útil para os passeios e viagens.

Custo de vida em Dublin: Vale a pena para quem quer fazer um intercâmbio de Inglês?

O intercâmbio na Irlanda, como já dissemos anteriormente, é um dos mais procurados entre brasileiros, graças à infinidade de possibilidades que ele oferece.

Tanto no quesito cultural e gastronômico quanto no quesito social, pois expande os horizontes do intercambista, que pode viver uma realidade completamente diferente.

Tudo isso, atrelado, é claro, ao contato direto com a língua inglesa e toda a sua imersão por meio do estudo, propriamente dito, e do trabalho, que permite o aprendizado amplo.

Além disso, você sabia que o clima na Irlanda é muito mais ameno do que em outros países da Europa? Uma excelente notícia para aqueles que estão preocupados com a adaptação ao clima europeu!

Por isso, se você ainda está se questionando se deve ou não passar uma temporada em Dublin, não perca mais tempo. 

Existe um mundo de experiências incríveis aguardando por você na Ilha da Esmeralda, e que só estão aguardando a sua decisão final para se tornarem realidade.

Então, agora que você conhece o custo de vida em Dublin, consulte nossos especialistas em cursos de idiomas na Irlanda, arrume sua mala, e deixe que a IE transforme sua viagem em um momento inesquecível!

Fonte: Numbeo.

Fale com nossos especialistas via Whatsapp