Escrito por: Marcelo Melo

Doutorado no exterior: Como funciona e como se candidatar!

Quer saber como é o doutorado no exterior? Então confira neste artigo como fazer doutorado no exterior e mais informações para estudar no exterior!

Início » Blog IE Intercâmbio » Doutorado no exterior: Como funciona e como se candidatar!

Geralmente, o doutorado no exterior é o ponto alto na vida acadêmica de um estudante, que eleva bastante o nível do currículo.

Além disso, o doutorado no exterior é capaz de gerar relacionamentos e experiências que podem durar além dos estudos.

Por isso, criamos este artigo para você entender um pouco mais sobre o doutorado no exterior! Vamos lá?

Afinal, como fazer o doutorado no exterior?

Primeiramente, o doutorado é uma formação avançada em pesquisa, onde o objetivo principal é produzir uma tese.

Portanto, uma vez que essa tese foi defendida e aprovada, o estudante se transforma em um doutor na área escolhida.

Sendo assim, existem pelo menos cinco etapas de extrema importância para incluir no planejamento de um doutorado no exterior, conhecido como ciclos em alguns países.

E esses ciclos são divididos em:

  • 1º Passo;
  • 2º Passo;
  • 3º Passo;
  • 4º Passo;
  • 5º Passo.

Procure a IE mais próxima de você

1º Passo

Primeiro, é preciso terminar a graduação e o mestrado, porém existem casos de currículo escolar fenomenal que podem se candidatar antes disso, mas vai depender de cada critério da universidade escolhida.

2º Passo

É necessário desenvolver um projeto de pesquisa que deverá ser estudado pelos próximos 4 anos, em média.

3º Passo

Procure por universidades para estudar no exterior que possuem mais semelhança com a pesquisa, já que cada área possui centros de referência, e às vezes mais de um.

4º Passo

Se organize e esteja ciente dos documentos necessários, como passaporte, validação do diploma, visto para o destino, e outros detalhes de acordo com a instituição de ensino e país de escolha.

5º Passo

Saiba quais são os prazos para se inscrever no doutorado no exterior e planejar a candidatura, que normalmente inicia entre fevereiro e março, mas existem programas que abrem vagas ao decorrer do ano acadêmico.

Como se candidatar a uma universidade no exterior?

Geralmente, as inscrições são feitas online, direto nos sites dos programas das universidades.

E além dos passos que citamos anteriormente, as etapas para se candidatar ao doutorado no exterior normalmente consistem em:

  • Acessar o portal do candidato e preencher todos os campos obrigatórios;
  • Adicionar o projeto de tese;
  • Colocar alguns documentos que podem variar de curso para curso;
  • Outras fases, como teste para comprovar o conhecimento do idioma e entrevista com orientador, ou professor responsável.

Para estudar na Europa e EUA o procedimento é praticamente o mesmo, mas existem peculiaridades de acordo com o curso escolhido e a universidade.

Dessa forma, é importante que o projeto esteja de acordo com os temas principais da universidade onde deseja fazer o intercâmbio universitário.

E para descobrir se a universidade está alinhada com a sua tese, é possível pesquisar quem são os professores do doutorado, e quais livros eles já publicaram.

Dessa maneira é possível encontrar a referência de um possível orientador para a tese.

Estude no exterior com a IE!

Seja em qual for o destino, estudar no exterior é uma oportunidade de criar novas perspectivas e aprimorar o currículo!

Então, agora que você já sabe mais sobre o doutorado no exterior, que tal planejar o seu intercâmbio universitário? Fale com um de nossos especialistas para conhecer mais sobre nossos programas e voe rumo aos seus objetivos!

Fale com nossos especialistas via Whatsapp