Escrito por: Marcelo Melo

Nível de inglês avançado: entenda a classificação CEFR

Atualmente, comunicar-se em um nível de inglês avançado não é somente um requisito profissional. É também necessário para se comunicar …

Início » Blog IE Intercâmbio » Nível de inglês avançado: entenda a classificação CEFR

Atualmente, comunicar-se em um nível de inglês avançado não é somente um requisito profissional. É também necessário para se comunicar e entender o mundo que nos rodeia. Isto porque, o idioma é um dos mais falados em todo o mundo.

Logo, possuir nível de inglês avançado é fundamental para se comunicar de forma eficiente. Isso acontece tanto nas relações pessoais, profissionais e comerciais, como na área de show business e de entretenimento digital. Além de ser considerada a língua oficial na internet ocidental. 

Então, o nível de inglês avançado é aquele que o falante consegue falar como um nativo, ler, escrever e compreender textos complexos e possui amplo vocabulário. Logo, utiliza as palavras em acordo com as situações pessoais e profissionais.

Assim, o nível avançado em inglês é exigido em muitas ocasiões, como para preencher uma vaga de emprego em uma empresa internacional, ser aprovado em algum exame admissional para uma universidade, ingressar em um curso do idioma, dentre outras possibilidades.

Entretanto, pode haver confusão no entendimento do que as pessoas e empresas consideram como nível de inglês avançado. Por isso, vamos explicar para você os níveis oficiais de fluência em inglês, segundo o Quadro Europeu Comum de Referência para Línguas (CEFR).

O CEFR foi elaborado pelo Conselho da Europa para prover uma base clara, coerente e abrangente para a criação de programas de línguas e diretrizes curriculares. Assim, a concepção do ensino e materiais de aprendizagem e a avaliação da proficiência no idioma estrangeiro.


Planeje sua viagem com quem entende de intercâmbio

Níveis de proficiência em inglês (CEFR)

Dessa maneira, segundo o CEFR, os níveis de proficiência no idioma inglês são divididos em seis categorias, de acordo com a capacidade e habilidade do usuário se comunicar utilizando a língua inglesa. São eles:

  • A1 e A2 – Usuário Básico 
  • B1 e B2 – Usuário Independente 
  • C1 e C2 – Usuário Proficiente

 

Nível Usuário Básico/Inglês Iniciante

As categorias A1 e A2 correspondem ao nível iniciante, mais básico de aprendizado do idioma. 

Ao concluir estes níveis o estudantes estará apto a compreender sentenças e expressões utilizadas de forma rotineira, frequentemente, relacionadas com áreas próximas de relevância.

Como por exemplo, informações pessoais e familiares básicas, compras, aspectos geográficos locais e de emprego. 

Capaz de se comunicar na realização de tarefas cotidianas mais simples, que requerem trocas mais simples, curtas e diretas sobre assuntos conhecidos e comumente utilizados. 

Pode ainda, descrever, de forma simples, aspectos da sua formação, do ambiente mais próximo e demais assuntos nas áreas de necessidade imediata.

 

Nível Usuário Independente /Inglês Intermediário

Os níveis B1 e B2 são considerados intermediários e, ao concluí-los, o estudante é capaz de compreender as ideias chave de um texto mais complexo, com tópicos concretos e abstratos; incluindo ainda, temas técnicos na sua área de especialização.

Nesse sentido, o estudante possui fluência e espontaneidade que o possibilita interagir com falantes nativos de forma regular e sem esforço para a compreensão, de nenhuma das partes. 

Bem como, consegue escrever textos claros e detalhados sobre grande variedade de assuntos, explicar opções, vantagens e desvantagens de determinados pontos de vista sobre assuntos atuais.

 

Nível Usuário Proficiente/Inglês Avançado

Os níveis C1 e C2 compõem a etapa mais avançada em inglês e, ao finalizá-los, o estudante do idioma estará apto a fácil e rapidamente, entender tudo o que ouve ou lê. 

Pode resumir informações de diversas fontes faladas e escritas, recompondo argumentos e relatos em uma apresentação coerente com utilização do idioma inglês avançado.

Definitivamente, o concluinte desta etapa é capaz de se expressar espontaneamente, de forma eficaz, fluente e precisa, diferenciando variantes mais sutis de significados, mesmo ao utilizar a língua em situações mais complexas.

 

E agora que você já conhece os níveis oficiais de inglês: básico, independente e proficiente, fale com nosso consultor em inglês para elaborar um programa de intercâmbio mais adequado e eficiente para o seu aprendizado.

A IE Intercâmbio dispõe de cursos de inglês no exterior desde o nível básico, para estudantes iniciantes, até os de nível de inglês avançado, para quem precisa consolidar o aprendizado e aprimorar a pronúncia e a compreensão da língua. Fale com a gente!

Fique por dentro de tudo sobre intercâmbio

Deixe um comentário