Inglês intermediário: confira os programas que dispõem desse requisito

Inglês intermediário: confira os programas que dispõem desse requisito

A proficiência no inglês não é um requisito para todos os tipos de programa, porém para muitas modalidades de intercâmbio é necessário que o aluno tenha um nível de inglês intermediário ou mesmo avançado. 

Desse modo, o que vai exercer influência nesse tipo de requisito, é a escolha do programa por parte do aluno e as exigências da instituição de ensino no exterior ou mesmo se for um intercâmbio específico de trabalho. 

Por isso, é importante saber qual o objetivo do aluno para checar se existe a necessidade do conhecimento de inglês intermediário do mesmo.

Nesse sentido, hoje nós vamos falar um pouco sobre os tipos de programas de intercâmbio que exigem o conhecimento a nível de inglês intermediário. Além do mais, vamos compartilhar algumas das opções de destinos dispostos na IE para você.

Do mesmo modo, se você possui nível básico e tem a meta de melhorar as habilidades no idioma e quem sabe atingir um nível intermediário a avançado, você provavelmente precisará passar um tempo maior no exterior.

Porém, se você tem conhecimento a nível intermediário em inglês e quer aperfeiçoar a língua, atingir um nível de fluência, talvez você precise de um intercâmbio com duração inferior ao anterior. Assim, isso não te impede de passar mais tempo morando fora, certo?

Afinal de contas, através da permissão de trabalho que alguns países concedem, os intercambistas que passam uma duração maior, podem trabalhar 20h semanais enquanto estudam ou mesmo 40h semanais no período de férias. 

Já no intercâmbio de trabalho, como o Au Pair, a brasileira sai do país com o visto único e exclusivo de trabalho. Nesse caso, um dos pré-requisitos é ter conhecimento a nível intermediário do idioma. Mas, caso a participante queira estudar, ela pode usufruir dessa temporada fora para cumprir esse intuito também.

Confira os programas que dispõem do requisito de inglês intermediário para os intercambistas:

 

Estudo e Trabalho

A modalidade de estudo e trabalho une o curso de idioma no exterior a uma permissão de trabalho concedida pelo governo estrangeiro. Em alguns países, o governo ou mesmo a instituição de ensino concedem a permissão temporária para o participantes enquanto eles estudam no país.

É mais comum para pessoas que dispõem de um maior período de tempo (acima de 4 meses) e de investimento.

Confira alguns dos destinos que detém desse tipo de permissão:

  • Austrália
  • Canadá
  • Malta
  • Irlanda
  • Emirados Árabes

 

High School

O programa de ensino médio no exterior atende um público adolescente, com faixa etária entre 15 e 18 anos e que tenha boas notas na escola. Logo, dentro dessa modalidade, há a opção de um período que equivale a um semestre ou ano acadêmico. 

Dessa forma, o período estudado no exterior pode ser aproveitado para compor a grade de disciplinas do aluno no Brasil. Confira abaixo algumas opções de destinos:

  • Estados Unidos
  • Canadá
  • Austrália
  • Nova Zelândia
  • Europa

 

Universidade

Graduação, Pós-Graduação, MBA, Cursos de Extensão e mais você pode fazer no exterior através do programa de Universidade e College. A formação multidisciplinar e a possibilidade de uma experiência de estágio ou trabalho durante esse intercâmbio brilham os olhos de muitos alunos.

Diversos cursos você encontra disponíveis em diferentes segmentos de mercado, certo? Mas, antes de mais nada, dá uma olhadinha nos destinos que têm para você viver essa experiência:

  • Estados Unidos
  • Canadá
  • Reino Unido
  • Irlanda
  • Nova Zelândia
  • Holanda
  • Austrália

 

Work Experience

O programa exclusivo de trabalho nos Estados Unidos, o Work Experience IE nos EUA é um programa de trabalho remunerado durante as férias dos universitários. Logo, além de precisar necessariamente ter inglês intermediário, o participante precisa estar matriculado em uma instituição de ensino superior no Brasil.

As funções são definidas pelos empregadores que levam em consideração nível de idioma, flexibilidade e capacidade de adaptação.

 

Au Pair

Se você é mulher, tem entre 18 e 26 anos e deseja viver uma típica experiência de família americana, essa é a sua chance. O programa tem um investimento reduzido, mas foca no trabalho remunerado da candidata. Essa trabalha na casa de família auxiliando na criação e acompanhamento das crianças.

Nos Estados Unidos, vivendo com uma família americana e praticando diariamente o idioma, a candidata ainda pode ter a oportunidade de estudo caso queira se desenvolver e melhorar as práticas do idioma local.

 

Como resultado, você acabou de conferir as opções de modalidades de intercâmbio que exigem nível de inglês intermediário. Caso você não tenha conhecimento algum do idioma ou mesmo queira aperfeiçoá-lo, fazer um curso de idiomas no exterior é uma opção.

Além do mais, intercâmbio é para quem deseja desenvolver novas habilidades e perspectivas de futuro, além de reforçar autonomia e autoridade. Logo, mesmo que você não tenha algum conhecimento prévio de um idioma, as chances também contemplam você. Contate os especialistas IE para mais informações e encontre o programa ideal para você.

Compartilhar

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *