Escrito por: Marcelo Melo

Teste de proficiência – saiba tudo sobre os exames preparatórios

Você vai estudar fora ou mesmo tentar uma oportunidade de emprego no exterior? Se sim, precisa saber que, em alguns …

Início » Blog IE Intercâmbio » Teste de proficiência – saiba tudo sobre os exames preparatórios

Você vai estudar fora ou mesmo tentar uma oportunidade de emprego no exterior? Se sim, precisa saber que, em alguns casos, é necessário comprovar seus conhecimentos no idioma local do destino. Por isso, o teste de proficiência é tão importante durante o processo.

Nesse sentido, com as novas demandas de mercado e das instituições, um teste de proficiência exige estudo, treino e prática do idioma. Além das habilidades que precisam ser testadas, é necessário estar atento a possíveis situações e nada como se sentir seguro em detrimento da sua dedicação.

Sendo assim, a primeira dica de hoje é: permaneça conosco e confira como se planejar para o exame. Afinal, o teste de proficiência é responsável por comprovar o seu grau de influência em um determinado idioma. Ele tem o intuito de avaliar aspectos como a sua capacidade de se comunicar através da fala, escrita, leitura e audição.

O nível de proficiência pode ser avaliado em qualquer idioma, certo? Falando num sentido mais geral, os mais conhecidos são: básico, intermediário, avançado e fluente. Porém, quando nos referimos à exames de proficiência, dentro de cada um desses níveis, possui uma espécie de “subnível”.

É nesse momento que você é configurado com algum desses níveis. O objetivo dos exames preparatórios para teste de proficiência é preparar você, em detrimento das habilidades consideradas necessárias, para cada tipo específico de exame.

Você pode realizá-los para comprovar seu conhecimento em detrimento dos mais diferentes idiomas possíveis, inclusive falamos aqui anteriormente sobre alguns exames destinados a línguas, como:

  • Inglês
  • Espanhol
  • Japonês
  • Alemão

O curso preparatório para exame de proficiência em inglês contempla os testes mais comuns, que são: IELTS, TOEFL, TOEIC, além dos de Cambridge. Logo, o primeiro passo é entender qual seu objetivo de intercâmbio e se a modalidade escolhida exige esse tipo de comprovação idiomática.


Sobre os exames preparatórios para teste de proficiência:

Algo que vale salientar antes de falarmos sobre essas dicas é que, dependendo do programa escolhido por você, não existe necessidade de comprovação de habilidade com idioma. Afinal, o Curso de Idiomas, por exemplo, é uma modalidade que abrange pessoas que não possuem nenhuma intimidade com a língua.

É possível que você encontre alguns cursos disponíveis na internet de forma gratuita. Porém, atente-se para o exame que você irá realizar e foque em cursos que tenham como base o exame específico.

Como se preparar para um exame de proficiência:

Primeiramente, uma premissa que acreditamos ser essencial para tudo é: tenha em mente e com clareza quais são seus objetivos com o exame. É entrar em uma universidade no exterior? É trabalhar nos Estados Unidos?

Isso é importante para que você saiba exatamente qual exame é preciso ser realizado. Afinal, cada língua tem diferentes tipos de certificação. Ou seja, saber qual programa, o idioma e qual nível é necessário para aplicação, é de extrema importância.

Com isso, por serem exames diferentes, cada um deles têm um tipo de metodologia específica, atrelada ao objetivo da certificação. Então, ter em mente tudo isso é o ponto de largada para que você entenda como prosseguir no processo.

É necessário fazer um exame preparatório para o teste?

Não é obrigatório fazer um exame preparatório ou cursos extras, isso fica a seu critério. óbvio que algo com direcionamento pode facilitar o processo, mas não é uma regra. O importante é que você entenda quais são as suas necessidades.

Se estudar sozinho te contempla o que julga importante, vai em frente, mas seguindo um planejamento e uma constância. Afinal, a prática vai te ajudar a encarar isso com menos receio, por exemplo, e mais confiança.

Enfim, mesmo que se considere alguém 100% preparado, busque dicas de quem já fez, pesquise assuntos relacionados na internet, cruze informações e se dedique ao processo. Do mesmo modo, o exame não configura “passar” ou “não passar”, mas sim caracterização de nivelamento.

No caso de você optar por realizar um curso preparatório, indicamos que analise os seguintes pontos:

  • Conteúdo programático;
  • Professores;
  • Materiais disponíveis;
  • Foco em exames de proficiência;
  • Suporte;

Todos esses pontos são pensados para tornar a sua experiência ainda mais imersiva e alinhada com a proposta dos exames de proficiência. Por isso, não esqueça de levar cada um deles em consideração.

Em suma, se você tem pretensão de fazer um programa no exterior ou mesmo de ter uma comprovação de conhecimento em um idioma específico, os exames preparatórios vão te ajudar durante esse processo.

Assim, o teste de proficiência abre portas para possibilidades no exterior, seja para estudar ou mesmo trabalhar. Por isso, se é do seu interesse saber mais sobre e quem sabe planejar essa experiência conosco, contate um de nossos especialistas para tirar todas as dúvidas e quem sabe encontrar o programa ideal para você.

Fique por dentro de tudo sobre intercâmbio

Deixe um comentário