Brasileiros na Espanha: veja como vivem e como morar no país

Compartilhe:

A quantidade de brasileiros na Espanha vem aumentando cada vez mais, seja para estudar, trabalhar ou apenas turismo. Isso se deve ao seu alto IDH, qualidade de vida e educação.

E não é só isso, a escolha de brasileiros na Espanha se dá principalmente pela facilidade de viajar para outros países da Europa.

Por isso, criamos este artigo para você entender um pouco mais sobre a estadia de brasileiros na Espanha! Vamos lá?

Como vivem os brasileiros na Espanha?

A forma como vivem os brasileiros na Espanha pode variar significativamente, pois depende de diversos fatores, como o motivo da mudança, a região em que vivem, entre outros. 

Para ter uma adaptação bem-sucedida, os brasileiros na Espanha equilibram a preservação da identidade cultural brasileira com a integração na sociedade espanhola.

Muitos brasileiros na Espanha mudaram-se em busca de oportunidades de emprego. Alguns foram para estudar na Espanha e outros, por razões familiares.

Mas entre estes motivos, cada um tem suas peculiaridades e restrições. A questão do emprego, por exemplo, envolve uma documentação específica e a procura por vagas.

A procura por vagas pode acontecer antes mesmo da viagem para Espanha, por meio de sites e agências ou já no próprio país do modo tradicional: entrega de currículos.

Para estudar na Espanha por meio de um intercâmbio, ou seja, aprender o espanhol, existem também alguns requisitos, como duração do curso e carga horária.

Além disso, outro atrativo da Espanha para muitos brasileiros é a proximidade com outros países europeus, o que possibilita conhecê-los durante a estadia.

Veremos mais detalhes sobre estes tópicos ao longo do texto. Continue acompanhando.

Qual é a qualidade de vida na Espanha?

Morar na Espanha


A qualidade de vida é geralmente considerada boa, com muitos aspectos positivos que contribuem para o bem-estar dos brasileiros na Espanha.

No entanto, a experiência individual pode variar dependendo de fatores como localização, situação financeira, estilo de vida e preferências pessoais. 

Confira alguns pontos que podem influenciar a qualidade de vida na Espanha:

  1. Clima e geografia
  2. Cultura e lazer
  3. Saúde e bem-estar
  4. Educação
  5. Emprego e economia
  6. Transporte
  7. Comunidade e sociedade

Clima e geografia

A Espanha é conhecida por ter um clima agradável em muitas regiões, com verões quentes e invernos suaves. 

Devido a diversidade geográfica do país, há uma variedade de paisagens, desde praias até montanhas, o que pode influenciar nas preferências dos brasileiros na Espanha.

Cultura e lazer

É rica e diversificada, refletindo a história complexa e as influências de várias civilizações ao longo dos séculos. 

O país também é famoso por sua contribuição para as artes. Ele foi o lar de artistas renomados, como Pablo Picasso e Salvador Dalí. 

Além disso, alguns locais históricos marcam a arquitetura espanhola, como a Alhambra em Granada, a Sagrada Família em Barcelona e a cidade antiga de Toledo.

Não podemos deixar de citar também a culinária diversificada e saborosa. 

Pratos como paella, tapas, jamón e churros são muito populares e apreciados por todos, inclusive os brasileiros na Espanha.

Seguindo em suas tradições, o flamenco é uma forma de expressão que combina canto, dança e música. 

Esta é uma tradição enraizada com apresentações emocionais que refletem paixão e intensidade da cultura.

A Espanha também é conhecida pelas festividades. A La Tomatina, é uma famosa “guerra” de tomates, enquanto as festas de San Fermín, incluem as corridas de touros

Já o futebol é uma paixão nacional, o que agrada os brasileiros na Espanha, com times como Barcelona e Real Madrid sendo de grande popularidade. 

Além do mais, é lar de uma variedade de museus de renome, como o Museu do Prado. O país também possui uma abundância de sítios históricos e Patrimônio Mundial da UNESCO.

E, finalmente, para quem curte uma vida noturna animada, suas cidades têm bares e clubes abertos até altas horas da madrugada. 

Saúde e bem-estar

O sistema de saúde na Espanha é bem avaliado, proporcionando serviços de saúde acessíveis e de qualidade. 

Além disso, muitos espanhóis vivem um estilo de vida saudável, com uma dieta que destaca alimentos frescos e atividade física.

Educação

A Espanha possui universidades de alta qualidade e uma variedade de instituições educacionais. 

Em geral, o sistema educacional é reconhecido internacionalmente.

Emprego e economia

A situação econômica pode variar em diferentes regiões. 

Grandes cidades, como Barcelona e Madrid, geralmente oferecem mais oportunidades de emprego. 

Dessa forma, se você estiver indo para um intercâmbio na Espanha, dê preferência a procurar por vagas em cidades maiores.

Transporte

O sistema de transporte público na Espanha é bem desenvolvido, facilitando a mobilidade dentro das cidades e entre as regiões. 

A qualidade das infraestruturas de transporte pode variar, mas costuma ser bem eficiente. 

Assim, isso não será um problema se você for um dos brasileiros na Espanha que vão trabalhar e estudar na Espanha.

Comunidade e sociedade

A hospitalidade espanhola é frequentemente elogiada, e muitos brasileiros na Espanha gostam da integração na sociedade espanhola. 

Comunidades locais, festivais e eventos sociais são aspectos que podem contribuir para uma experiência positiva.

Qual a melhor cidade da Espanha para morar?

Viagem para Espanha

A escolha da melhor cidade para morar na Espanha depende muito das preferências pessoais, objetivos individuais e estilo de vida desejado. 

Cada cidade tem suas próprias características únicas. Algumas das cidades mais populares entre os brasileiros na Espanha são:

  • Madrid: a capital é conhecida por sua vida cultural, gastronomia e cena artística. É o centro econômico do país, oferecendo várias oportunidades de emprego.
  • Barcelona: famosa por sua arquitetura, praias e atmosfera cosmopolita. A cidade tem uma vida noturna animada e uma forte identidade catalã.
  • Valência: conhecida pelo clima agradável, praias e arquitetura futurista. É uma cidade tranquila, oferecendo uma qualidade de vida elevada.
  • Sevilha: possui uma rica herança cultural, festivais vibrantes e arquitetura histórica. O clima quente e as tradições andaluzas contribuem para uma atmosfera única.

Antes de tomar a decisão de morar na Espanha, é aconselhável pesquisar sobre as diferentes cidades e explorar suas características.

Onde há mais brasileiros na Espanha?

Intercâmbio na Espanha

A presença de brasileiros na Espanha é significativa, e muitos escolhem viver em grandes cidades onde há oportunidades de trabalho e uma variedade de serviços. 

As cidades mais populares entre os brasileiros na Espanha incluem:

  1. Madrid
  2. Barcelona
  3. Valência
  4. Sevilha
  5. Alicante

É importante notar que a distribuição dos brasileiros na Espanha pode variar ao longo do tempo, e as preferências desempenham um papel na escolha do local de residência.

Como brasileiro pode trabalhar na Espanha?

É possível que o brasileiro trabalhe na Espanha por meio do intercâmbio, ou seja, enquanto se aprende o espanhol, realiza um serviço remunerado.

Esta costuma ser a opção mais escolhida entre os brasileiros na Espanha que desejam uma chance de entrar no mercado internacional, aprender um idioma e sobre uma nova cultura.

Mas também é possível ir por conta própria, sem a ajuda de uma agência de intercâmbio e todo o trâmite necessário.

Para trabalhar na Espanha por meio do intercâmbio, há alguns requisitos a serem cumpridos:

  • O estudante deve ter mais de 18 anos, sem limite de idade;
  • Deve estar matriculado em cursos de, no mínimo, 25 semanas;
  • Nível de espanhol a partir do básico;
  • A carga horária mínima do curso deve ser de 15h por semana;
  • Permissão para trabalhar apenas durante o período de estudos;
  • Trabalhar 20h por semana durante os estudos e 40h durante as férias;
  • O visto de estudante precisa ter sido aprovado pelo consulado da Espanha.

Quanto ganham os brasileiros na Espanha?

Os brasileiros na Espanha que trabalham através do intercâmbio costumam receber entre 6 € e 10 € por hora, e as oportunidades de trabalho estão ligadas ao seu nível no espanhol.

Sendo assim, estar em dia no seu curso e aproveitando ao máximo suas aulas de espanhol são muito importantes para que você consiga trabalhar na Espanha.

Nesse sentido, as principais vagas que você pode encontrar durante o intercâmbio na Espanha são:

  • Bartender;
  • Atendimento nos bares e restaurantes;
  • Recepção de cliente em redes de hotelaria;
  • Assistente nos resorts da cidade;
  • Assistente de chef de cozinha e lava louças.

O que um brasileiro precisa para morar na Espanha?

Primeiramente, para morar na Espanha legalmente, é necessário um visto de residência, de estudante ou de trabalho, já que o visto de turista só é válido por 90 dias.

Então, se a intenção é permanecer mais tempo, uma autorização específica é necessária.

Dessa forma, a maneira mais indicada e segura de como morar na Espanha legalmente é através do intercâmbio.

Portanto, do ponto de vista do intercâmbio, as opções para morar no país legalmente são:

  • Cursos de idiomas;
  • Trabalhar e estudar na Espanha.

Alguns documentos serão necessários ao longo deste processo, como:

  • Carta de aceitação de uma instituição educacional espanhola;
  • Registro no consulado espanhol local;
  • Comprovação de meios financeiros suficientes para sustentar sua estadia;
  • Fornecer um endereço de estadia na Espanha, seja em casa de família, residência estudantil ou contrato de aluguel.

Quanto tempo um brasileiro pode ficar na Espanha?

A permanência dos brasileiros na Espanha depende do propósito da viagem para Espanha e do tipo de visto obtido. 

Como vimos, para fins de turismo, os brasileiros na Espanha podem permanecer por até 90 dias dentro de um período de 180 dias sem a necessidade de visto. 

Isso se aplica a outros países do Espaço Schengen também. Durante esse período, não é permitido trabalhar ou estudar na Espanha.

Para permanecer na Espanha por mais de 90 dias, um brasileiro geralmente precisa obter um visto de residência adequado. 

Os tipos de visto incluem trabalho, estudo, residência não lucrativa, entre outros. A duração do visto dependerá do propósito da estadia e das condições especificadas no visto.

Após um período de residência contínua, é possível solicitar a residência permanente. Isso normalmente ocorre após residir legalmente no país por cinco anos consecutivos.

Qual o melhor lugar para fazer intercâmbio na Espanha?

Estudar na Espanha

A escolha do melhor lugar para fazer intercâmbio na Espanha depende dos seus objetivos e preferências pessoais. 

O país oferece uma variedade de cidades, cada uma com suas características distintas. Confira as opções mais populares.

Barcelona

Primeiramente, Barcelona é famosa por sua arquitetura única, especialmente as obras do arquiteto Antoni Gaudí, como a Sagrada Família e o Parque Güell. 

A cidade também abriga uma herança cultural, expressa em seus museus, galerias de arte e eventos culturais.

Barcelona desfruta de um clima mediterrâneo com invernos suaves e verões quentes. Isso proporciona condições ideais para explorar a cidade, praias e parques.

Há um ambiente acolhedor para estudantes estrangeiros, permitindo a imersão em diferentes culturas e a prática de línguas estrangeiras.

A vida noturna é conhecida por ser diversificada. Desde bares de tapas a clubes noturnos, há opções para todos os gostos.

Barcelona possui praias urbanas acessíveis, como Barceloneta, onde os estudantes podem relaxar, praticar esportes ou simplesmente curtir dias ensolarados.

A cidade é um centro educacional importante, atraindo estudantes de todo o mundo, sendo lar de algumas universidades de prestígio, como a Universidade de Barcelona.

O sistema de transporte público é eficiente, facilitando conhecer a cidade e suas redondezas. O metrô, ônibus e bicicletas compartilhadas são opções acessíveis.

Ela também é palco de eventos e festivais ao longo do ano. Participar dessas atividades pode enriquecer a experiência cultural durante o intercâmbio.

Madrid

A capital da Espanha também é uma excelente escolha para um intercâmbio, oferecendo diversas oportunidades de aprendizado e vivência cultural. 

Madrid abriga uma variedade de museus renomados, incluindo o Museu do Prado, o Museu Reina Sofia e o Museu Thyssen-Bornemisza. 

Está localizada no coração da Espanha, facilitando as viagens para outras cidades e regiões do país

Isso proporciona a oportunidade de explorar diferentes aspectos da cultura espanhola durante o intercâmbio na Espanha.

A cidade tem um clima continental com invernos frios e verões quentes. Isso permite a experiência de todas as estações do ano, cada uma com sua própria beleza.

Ela é repleta de arquitetura, desde os palácios até as praças históricas. A Puerta del Sol, a Plaza Mayor e o Palácio Real são alguns dos locais emblemáticos para explorar.

Assim como Barcelona, Madrid oferece vida noturna com uma variedade de bares, clubes e locais de entretenimento. 

A tradição do “tapeo”, que é ir de bar em bar para experimentar tapas, é uma parte importante da sua cultura social.

Madrid possui extensos parques, como o Parque del Retiro, onde os estudantes podem relaxar, praticar esportes e participar de atividades ao ar livre. 

Ainda abriga universidades renomadas, como a Universidade Complutense de Madrid e a Universidade Politécnica de Madrid, com vários cursos para estudantes internacionais.

O sistema de transporte público é eficiente, composto por metrô, ônibus e trens suburbanos, facilitando a locomoção pela cidade e região metropolitana.

Quanto é o custo de vida na Espanha?

De acordo com o site Numbeo, em novembro de 2023, os custos mensais estimados para uma pessoa solteira em Madrid são de 727,1 € sem contar o aluguel.

Lembrando que este valor pode variar bastante dependendo do estilo de vida e das suas preferências pessoais ao morar no país.

Para te ajudar a ter uma noção melhor sobre o valor que será gasto por lá, vamos destrinchar os custos em geral. 

Os valores abaixo são referentes ao mês de novembro de 2023 na cidade de Madrid.

Alimentação

Em restaurantes:

  • Refeição em restaurante barato: 13,00 €
  • Refeição para 2 pessoas em restaurante médio com três pratos: 50,00 €
  • Combo de lanche no McDonalds: 8,00 €
  • Cerveja nacional (500 mL): 3,00 €

No mercado:

  • Leite (1 litro): 1,04 €
  • Pão Branco (500g): 1,53 €
  • Arroz (1kg): 1,46 €
  • Ovos (12): 2,69 €
  • Queijo (1kg): 13,55 €
  • Filé de frango (1kg): 7,59 €
  • Carne vermelha (1kg): 13,03 €
  • Maçãs (1kg): 2,35 €
  • Banana (1kg): 1,82 €
  • Laranjas (1kg): 1,67 €
  • Tomate (1kg): 2,33 €
  • Batata (1kg): 1,38 €
  • Cebola (1kg): 1,45 €
  • Alface: 1,12 €
  • Água (1,5 litros): 0,85 €

Transporte

  • Bilhete em transporte local: 1,50 €
  • Passe mensal: 41,00 €
  • Partida de táxi + corrida de 1km: 4,55 €

Gastos básicos

  • Eletricidade, aquecimento, refrigeração, água, lixo para um apartamento de 85m²: 126,92 €
  • Plano mensal de celular: 16,02 €
  • Internet: 29,50 €

Esportes e lazer

  • Mensalidade na academia para 1 adulto: 41,17 €
  • 1 ingresso para o cinema: 9,00 €

Roupas e sapatos

  • Calça jeans (Levi’s ou similar): 52,64 €
  • Vestido (Zara, H&M, etc.): 25,69 €
  • Tênis de corrida Nike: 68,85 €

Aluguel

  • Apartamento de 1 quarto no centro da cidade: 1.129,36 €
  • Apartamento de 1 quarto fora do centro: 797,77 €
  • Apartamento de 3 quartos no centro da cidade: 1.841,09 €
  • Apartamento de 3 quartos fora do centro: 1.312,40 €

O que devo saber antes de viajar para Espanha?

Foto: Malas

Antes de fazer sua viagem para Espanha, é útil considerar alguns pontos importantes para garantir uma estadia tranquila e agradável

Aqui estão algumas dicas:

  1. Documentação: veja se o seu passaporte está válido por toda a duração da sua estadia. Os brasileiros na Espanha não precisam de visto para viagens turísticas.
  1. Seguro de viagem para Espanha: considere obter um que cubra despesas médicas e outros imprevistos. 
  1. Vacinas: não costumam ser necessárias para entrar na Espanha, mas é aconselhável garantir que suas vacinas estejam atualizadas.
  1. Idioma: o espanhol é a língua oficial, mas muitas pessoas falam inglês em áreas turísticas. 
  1. Moeda: a moeda oficial é o Euro. Certifique-se de ter alguma quantia em espécie na sua viagem para Espanha para pequenas despesas.
  1. Transporte: pesquise sobre os metrôs e ônibus, especialmente para explorar áreas urbanas. O trem na Espanha também é bem eficiente.
  1. Horários e refeições: podem ser diferentes do que você está acostumado. O almoço geralmente é tarde, por volta das 14h, e o jantar pode começar após as 20h.
  1. Emergências: anote os números de emergência locais, incluindo o 112, que é o número de emergência padrão em toda a União Europeia.

Dúvidas sobre a vida dos brasileiros na Espanha? Fale com a IE!

Ao longo do texto, descobrimos várias informações interessantes sobre as oportunidades que a Espanha oferece aos seus visitantes.

Porém, sabemos que tomar a decisão de morar fora para estudar e trabalhar pode ser um processo desafiador e que deve levar em conta vários fatores.

Caso ainda esteja com alguma insegurança sobre o assunto, a IE conta com uma equipe especializada para te ajudar a tomar a melhor decisão baseada nos seus objetivos.

Portanto, se ainda houver dúvidas sobre a vida dos brasileiros na Espanha ou assuntos relacionados, entre em contato com nossos especialistas.

Receba nossas novidades