O inglês americano é diferente do britânico? Veja onde e porque

Entenda porque o inglês americano tem distinções do inglês britânico. As maiores diferenças estão na gramática, pronúncia, ortografia e vocabulário.
Compartilhe:

Definitivamente, a língua inglesa assumiu um papel de extrema importância no mercado de trabalho atual e aprender inglês é praticamente uma necessidade básica. E você sabia que há o idioma inglês britânico e o inglês americano?

Isso mesmo, dependendo da herança histórica e cultural de cada destino, você pode aprender a falar inglês americano ou inglês britânico. E tem diferença entre um e outro?

Bem, existem algumas diferenças entre o inglês americano e o britânico mas, na verdade, não importa se você estudar um ou outro, pois a estrutura da língua é a mesma.

Se você fizer um curso de inglês nos Estados Unidos, por exemplo, vai estudar o inglês americano. Entretanto, se a escolha for por aprender inglês em algum dos países do Reino Unido, com certeza vai estudar inglês britânico.

É como o português falado em Portugal e o português “brasileiro”, onde existem diferenças de pronúncia e significado em algumas palavras, mas no final todo mundo se entende.

Afinal, é normal que as transformações na língua ocorram, mesmo dentro do próprio país.

E vemos isso nitidamente quando falamos sobre o português no Brasil,  onde  o idioma sofre diversas interferências regionais e é comum ver cada região se apropriando do linguajar próprio, de suas raízes.

Por isso, em Portugal, a pronúncia, o vocabulário, o sotaque, tudo soa diferente. Diversas formas de expressões e de comunicação ganham uma força, que é completamente própria. 

E não podia ser diferente do inglês dos Estados Unidos comparado ao inglês britânico, não é mesmo?!

Em outras palavras, em se tratando de aprender inglês, que é um idioma muito mais amplo e falado em inúmeros países, é comum que esse tipo de transformação aconteça. 

Não somente por conta das influências de terceiros, mas por toda construção idiomática que as nações vivem.

Como são o inglês americano e o inglês britânico?

A princípio, o inglês dos Estados Unidos é um conjunto das mais diversas variações linguísticas da língua nativa dos Estados Unidos. 

Inclui o sotaque americano, a forma de expressão e a herança cultural da população.

Por outro lado, o inglês britânico corresponde a língua falada no Reino Unido: Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte. Além de outros destinos colonizados pelo Império Britânico no passado.

Inclusive, já nesse contexto é possível identificar particularidades no idioma. Cada uma dessas nações possuem diferenças de pronúncias, de vocabulário e de sotaque, por exemplo. 

Logo, há uma diversidade bastante significativa quando falamos sobre o inglês britânico falado nos vários países onde é o idioma oficial.

Por isso, em se tratando do inglês dos Estados Unidos e do inglês do Reino Unido, hoje apontaremos algumas divergências que dizem respeito a questões, como:

  • Ortografia e escrita
  • Vocabulário
  • Gramática
  • Sotaque e pronúncia

Ah, só para lembrar que aqui na IE você consegue realizar um intercâmbio nos Estados Unidos, no Reino Unido e em outros destinos incríveis e aprender inglês para a vida toda!

Diferenças entre inglês americano e inglês britânico

Particularidades na ortografia e escrita

Antes de tudo, algumas palavras do inglês americano se assemelham muito ao britânico, até com o mesmo significado, porém com pequenas exceções. 

Assim, a grafia é afetada pela diferença entre as duas modalidades da língua.

Palavras que terminam com “or” no inglês americano, passam a apresentar terminação “our” quando escritas no inglês britânico

Por exemplo: a palavra color (inglês americano) é transcrita para colour (inglês britânico).

Da mesma forma, há também aquelas palavras que terminam com “ize” no inglês americano e quando vão para o britânico é utilizado o sufixo “ise”. 

Por exemplo, para pedir desculpa na Inglaterra você pode escrever “apologise” (ISE), mas nos Estados Unidos deve usar “apologize” (IZE).

Esse e outros tipos de tipo de configuração podem acontecer em diversos momentos e tem diversas outras variações. Veja alguns exemplos no quadro abaixo:

PortuguêsInglês AmericanoInglês Britânico
Defesadefensedefence
Licençalicenselicence
Práticapraticsepractice
Centrocentercentre
Metrometermetre
Litroliterlitre
Teatrotheatertheatre
Favoritofavoritefavourite
Vizinhoneighborneighbour
Bancobankbanque
Catálogocatalogcatalogue

Diferenças no vocabulário da língua

A diferença de vocabulário, ou seja, no significado das palavras, pode confundir ainda mais as diferenças na escrita, isso porque algumas pronúncias são parecidas mas podem gerar um sentido diferente. 

Isso também porque há quem diga que o inglês britânico se assemelha mais a outro idioma, com o francês.

Além disso, as duas variações da língua inglesa acabam por incorporar palavras diferentes, de outras línguas, de acordo com as diferentes heranças culturais. 

Confira algumas na relação abaixo:

PortuguêsInglês AmericanoInglês Britânico
Apartamentoapartmentflat
Fraldadiapernappy
Filmemoviefilm
Aviãoairplaneaeroplane
Prisãojailprison
GasolinaGas, gasolinepetrol
Calçaspantstrousers
Metrôsubwayunderground
Pneutiretyre
Batata fritafrench frieschips
Guarda-roupaclosetwardrobe
Calçadasidewalkpavement

Diferenças na gramática entre inglês britânico e americano

Quando falamos sobre a estrutura gramatical do idioma, as diferenças entre o inglês americano e o britânico aparecem principalmente no uso do presente perfeito e no possessivo. 

Isto porque, geralmente, o inglês do Reino Unido utiliza o presente perfeito para remeter ações que aconteceram, mas ainda em um momento recente.

Porém, ao utilizar o inglês americano, as coisas são diferentes. Bem como quando falamos sobre o possessivo. Já que, por exemplo, os britânicos usam “have got” e os americanos utilizam somente o “have”.

Outra singularidade entre as duas formas de inglês tem relação com a concordância verbal das frases.

Na gramática do inglês britânico, por exemplo, ao nos referimos a um grupo, pode-se fazer a concordância no singular ou no plural. 

Porém, ao utilizarmos o inglês americano, só é correta a concordância no singular.

Diferenças na pronúncia

8

Além do sotaque americano ser diferente do britânico, a pronúncia de algumas letras nas palavras pode ser distinta também.

Por exemplo, veja o que acontece com a letra T, quando ocorre no meio da palavra: no inglês americano ele tem um som parecido com /r/, mas quando vamos para o inglês do Reino Unido o T é pronunciado como /t/.

Veja o exemplo de como fica a pronúncia da palavra water (água) em cada uma das formas:

  • Estados Unidos: /uórâr/ (com R)
  • Reino Unido: /uótâr/ (com T)

No inglês britânico, em relação a consoante /r/, ela é pronunciada somente antes de uma vogal: red, random, rover, bedroom. Para todas as outras situações a letra /r/ não tem som e soa similar ao “ah”.

Dessa forma, palavras como car, over, seriam pronunciadas assim: cáh, ováh. 

Já a pronúncia no inglês americano é diferente e o /r/ é sempre pronunciado onde quer que ele esteja em uma palavra.

Definitivamente, o inglês americano possui suas particularidades bem como o inglês britânico e, é por isso, que talvez seja difícil escolher por qual optar, certo? 

E aqui vai uma super dica para começar a estudar inglês e reconhecer as diferentes pronúncias entre o sotaque americano e o britânico: assistir filmes, séries e programas de televisão.

Produções de televisão para aprender inglês com sotaque americano

Da mesma forma que a cultura americana é mais recente do que a cultura britânica, o inglês americano pode ser considerado mais “moderno” do que o inglês do Reino Unido.

Nesse sentido, os filmes, programas e séries seguem a mesma linha. Variando entre relacionamentos, crises políticas ou questões morais e tecnológicas. 

Confira algumas produções para aprender mais sobre a cultura e o inglês dos Estados Unidos.

  1. Black Mirror
  2. Breaking Bad
  3. Friends
  4. Stranger Things

Filmes e séries para quem prefere a pronúncia do inglês britânico

Por sua vez, o inglês do Reino Unido é tido como o “mais clássico e elegante” e algo mais robusto, principalmente seu sotaque. 

E, seguindo esta linha, algumas das séries mais indicadas para quem quer praticar o idioma podem ter uma temática meio antiga, ou até fantasiosa, como as produções abaixo:

  1. Downton Abbey
  2. Harry Potter
  3. Merlin
  4. Sherlock

Aprenda o inglês americano ou o inglês britânico com a IE Intercâmbio

Mas, seja em um intercâmbio nos Estados Unidos, no Reino Unido ou em outro destino onde a língua inglesa é o idioma oficial, no programa de intercâmbio da IE você vai aprender inglês com toda certeza!

E se você ainda não decidiu por qual opção escolher, entre um intercâmbio nos Estados Unidos ou em outro país, pode falar com nossos especialistas hoje mesmo.

Eles vão te dar dicas valiosas para orientar a sua decisão pelo destino ideal, que sempre deve estar de acordo com os seus objetivos de aprendizado e com o seu estilo de vida e perfil de estudante.

Por isso, se você tem o desejo de fazer um intercâmbio no exterior, de estudo e/ou trabalho, comece a se planejar logo para não perder tempo. 

É importante que você seja organizado, tenha em mente o seu propósito e saiba valorizar suas preferências, levando em conta seus objetivos e seu perfil de intercambista.

Por fim, esperamos ter esclarecido para você as principais diferenças entre o inglês americano e o britânico. E olha, isto não precisa ser um fator decisivo na sua escolha. 

Seja em um intercâmbio nos Estados Unidos ou em outro país, o que importa mesmo é que você vai aprender o idioma e ter uma super experiência de vida internacional.

Então, manda um WhatsApp para gente! Vamos planejar juntos um programa de intercâmbio todo customizado para você aprender tanto o  inglês americano como o britânico, dependendo do destino preferido. Estamos aguardando seu contato ainda hoje!

Receba nossas novidades