Saiba quais países que exigem vacina de febre amarela

Saiba quais países que exigem vacina de febre amarela

Alguns processos precisam ser respeitados no momento de decisão por uma viagem. Por isso, não só se tratando de destinos ou programas, optamos por hoje falar sobre os países que exigem vacina de febre amarela. 

Logo, mesmo que o sonho de muitos seja conhecer novos lugares, antes de realizar esse desejo, é importante estar atento às medidas preventivas que possam ser exigidas. Por isso, se você tem uma viagem planejada ou mesmo a quesito de curiosidade, continua aqui com a gente e descobre quais os países que exigem vacina de febre amarela.

Nesse sentido, podem existir muitas outras cobranças alheias somente à passaporte e a visto quando se trata de uma viagem internacional. Uma delas é a de alguns países que exigem a vacina de febre amarela, a qual é uma vacina que protege alguém contra a doença, uma infecção do tipo viral que afeta alguns destinos.

Assim, o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) é o documento que comprova a prevenção, nesse caso, a vacinação, contra doenças, conforme o Regulamento Sanitário Internacional.

A medida é um padrão de segurança estabelecido por alguns países para evitar contágios. Quando há o recebimento de turistas estrangeiros de destinos onde a doença possui um histórico, é uma norma a apresentação de um documento que valide a vacinação prévia.

Logo, a não apresentação do certificado de vacina de febre amarela para viajar pode impedir o desembarque de um cidadão brasileiro em algumas terras estrangeiras. Pessoas que estão viajando com destino eu mesmo fazem escala/conexão em países que exigem a vacinação devem conter o Certificado.

Sendo assim, é necessário conferir se o destino que você está pensando em viajar, seja para intercâmbio ou turismo está na listagem abaixo, certo? Não deixe para ver isso de última hora, esteja atento aos documentos precisos também.

Conheça alguns países que exigem a vacina de febre amarela para viajantes brasileiros:

 

  • Austrália
  • Bolívia
  • África do Sul
  • China
  • Colômbia
  • Uruguai
  • China
  • Rússia
  • Egito
  • Coreia do Sul
  • Malta

 

Ou seja, esses são alguns dos destinos que solicitam obrigatoriamente o certificado internacional de vacinação febre amarela, doença que compete majoritariamente as regiões da América Central, América do Sul e África. Você pode conferir uma lista com demais países no site da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

O primeiro passo desse processo é procurar algum posto que disponha da vacina. É recomendado que ela seja realizada alguns dias antes da viagem (geralmente 10 dias). Se for a dose padrão, tem validade vitalícia, não sendo necessário tomar mais de uma vez caso viaje novamente.

Porém, certifique-se sempre de todas as informações e tire suas dúvidas nos locais de atendimento. Logo, para a emissão do certificado, é necessário que o viajante realize um pré-cadastro com a Anvisa para agilizar esse processo.

Por fim, a emissão do CIVP é realizada presencialmente através de um agendamento prévio ou verificação de datas e horários. Outro fator importante é averiguar quais documentos necessários para recolhimento do Certificado.

Ainda assim, se o viajante for menor de 18 anos, provavelmente será necessário assinatura de um responsável legal. No cartão de vacinação deve conter a unidade de saúde onde foi aplicado a vacina, bem como identificação de quem aplicou. 

 

Em síntese, você conheceu alguns dos países que exigem vacina de febre amarela. O que sempre recomendamos é planejamento, seja para turismo ou intercâmbio em algum desses destinos. De todo modo, fique atento às recomendações e obrigatoriedades necessárias que competem a você.

Dessa forma, caso tenha dúvidas sobre como se organizar para investir em uma viagem de algum dos cunhos anteriores, consulte nossos especialistas em intercâmbio e descomplique o processo. Logo, nosso intuito é caminhar junto de você e traçar o seu propósito ideal.

Fique por dentro de tudo sobre intercâmbio

Compartilhar

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *