Escrito por: Marcelo Melo

Vistos para Nova Zelândia: 3 principais vistos neozelandeses!

Saiba neste artigo quais são os vistos para Nova Zelândia, para que serve cada um deles e se organize para conhecer as cidades da Nova Zelândia!

Início » Blog IE Intercâmbio » Vistos para Nova Zelândia: 3 principais vistos neozelandeses!

Seja para conhecer a capital da Nova Zelândia ou outras cidades, é importante saber quais são os tipos de vistos para Nova Zelândia e organizar a sua viagem com segurança.

Isso porque, cada um dos vistos para Nova Zelândia é feito para um objetivo em especial.

Por isso, criamos esse artigo para você conhecer os tipos de vistos para Nova Zelândia e a finalidade de cada um. Vamos lá?

Afinal, quais são os tipos de vistos para Nova Zelândia?

Primeiramente, assim como em outros países, os tipos de vistos para Nova Zelândia possuem objetivos diferentes conforme o objetivo de ingressar no país.

Por esse motivo, o ideal é começar o processo de solicitação de visto com certa antecedência.

E os 3 tipos de vistos para Nova Zelândia mais comum são:

  1. Visto de estudos;
  2. Visto de trabalho;
  3. Visto de turismo.

Visto de estudos

Focado em pessoas que pretendem fazer intercâmbio na Nova Zelândia por mais de 12 semanas, independente do estudo ser em:

  • Escolas;
  • Ensino superior;
  • Ensino profissionalizante.

E caso estude por menos de 3 meses o visto para Nova Zelândia não é necessário, mas precisa estar com a autorização eletrônica (NZeTA) e pagar imposto sobre a conversação e turismo.

Além disso, é necessário verificar a relação de documentos exigidos pelo país, sendo recomendado levar também:

  • Comprovante do seguro viagem;
  • Comprovante de pagamento de curso;
  • Comprovante de matrícula emitido pela instituição.

Porém, o mais legal é que o estudante ganha a permissão para trabalhar durante o período de estudos na Nova Zelândia. Legal, né?

Visto de trabalho

Destinado apenas para quem conseguiu emprego na Nova Zelândia estando ainda no Brasil, a empresa deve possuir uma autorização da imigração para estar contratando um estrangeiro.

Com a autorização, o contrato é fechado e só após é possível solicitar o visto de trabalho no consulado, que é dado conforme o período descrito no contrato de emprego.

Visto de turismo

Voltado para quem deseja permanecer por no máximo 3 meses, é possível passear e até mesmo estudar na Nova Zelândia, porém não é possível trabalhar no país nesse mesmo período.

Uma das maiores vantagens, é que os brasileiros não precisam solicitar o visto de turismo ainda no Brasil, pois ele é concedido logo na entrada do país.

Dessa forma, visitar as cidades da Nova Zelândia é uma oportunidade de conhecer um país rico em cultura e locais históricos.

Motivos para conhecer as cidades da Nova Zelândia

Em primeiro lugar, a qualidade de ensino é um destaque no país, com opções de cursos para trabalhar e estudar nas cidades da Nova Zelândia, como:

  • Auckland, maior cidade do país;
  • Wellington, capital da nova Zelândia;
  • Christchurch, rica em beleza natural;
  • Queenstown, capital dos esportes radicais.

Sendo assim, a segurança e qualidade de vida são outros pontos positivos, pois o país foi eleito como um dos melhores países para se viver.

Conheça a Nova Zelândia de pertinho com a IE!

O intercâmbio na Nova Zelândia é a possibilidade de aprender ou aprimorar o inglês enquanto trabalha e estuda!

E agora que você já sabe quais são os vistos para Nova Zelândia, vem planejar a sua viagem para trabalhar no exterior com a IE! Entre em contato para conhecer mais sobre nossos programas e realize de vez seu sonho!

Fale com nossos especialistas