Fluência em inglês: quanto tempo é necessário para adquirir?

Fluência em inglês: quanto tempo é necessário para adquirir?

Se você é aquela pessoa que tem paixão por idiomas, mas ainda não tem fluência em inglês, por exemplo, o nosso conteúdo de hoje é para você. Vamos falar um pouco sobre como adquirir esse nível de proficiência e como o intercâmbio pode ajudar nesse processo de aprendizado.

Em outras palavras, você vai entender quanto tempo de intercâmbio é necessário para que você adquira fluência em inglês durante esse período fora. Isso cabe entender em que nível você se encontra hoje, quais suas dificuldades, suas preferências e objetivos. 

Nesse sentido, são muitos fatores a serem levados em consideração e é por isso que você precisa se atentar a esse assunto, combinado? Primeiramente, tire da sua cabeça que você não pode fazer um programa no exterior se não souber o idioma, isso é um grande mito.

Sabendo disso, pensar em viajar para adquirir fluência em inglês é dar um grande passo rumo ao seu crescimento pessoal e profissional. Isso se deve ao fato de que existe uma necessidade muito grande, tanto mercadológica como acadêmica, de pessoas com habilidades em um segundo ou mesmo terceiro idioma. 

Logo, já não é mais novidade para ninguém que deter esse conhecimento passou a ser um requisito. Por isso, muitas pessoas que se preparam para estudar fora se questionam: “quanto tempo preciso para ficar fluente em um idioma?”. 

A resposta vai depender de alguns fatores, como: qual seu atual nível do idioma, qual sua disponibilidade de tempo e de investimento, qual seu perfil de aluno, qual seu objetivo com o intercâmbio, entre outros. 

Assim, estudar inglês no exterior requer preparação e planejamento. Porém, você deve se perguntar em quais destinos pode embarcar para viver essa experiência e a gente te responde com algumas opções logo abaixo:

  • Canadá
  • Estados Unidos
  • Austrália
  • Malta
  • Irlanda
  • Reino Unido

Saiba como definir o tempo do seu intercâmbio almejando a fluência em inglês:

 

Primeiramente, não existe período mínimo ou máximo para alguém conquistar o nível avançado em inglês. Isso não é uma regra porque depende de vários fatores, como já dito anteriormente. 

Porém, vamos trabalhar com algumas situações hipotéticas, certo? Assim, você consegue se nortear melhor em razão das suas necessidades. Leitura, compreensão, fala e escrita são habilidades colocadas em teste no momento de comprovação de proficiência em um idioma.

Vale ressaltar que nem todos os programas de intercâmbio exigem um nível específico de conhecimento da língua. Exemplo disso é a modalidade de Curso de Idiomas, onde você tem a possibilidade de viajar e estudar desde o básico.

Nesse sentido, se você se encontra no nível básico e deseja conquistar o nível intermediário, por exemplo, provavelmente um curso com duração de 24 semanas vai te ajudar. Porém, se você quer sair do básico para o avançado, o ideal é que você permaneça pelo menos umas 32 semanas no país.

Por outro lado, se você se encontra no nível intermediário e deseja chegar ao avançado, você pode levar aí em média 24 semanas para alcançar esse feito, podendo inclusive demandar mais ou menos tempo. 

Além disso, um adendo importante é que você vai, sem dúvida, aprender de forma muito mais prática e rápida que no Brasil. Não apenas por estar em um país nativo, mas por ter o seu tempo dedicado a isso, além do contato rotineiro com pessoas fluentes. 

 

Definitivamente, você acabou de descobrir quanto tempo é necessário para adquirir fluência em inglês estudando no exterior. Nitidamente não existe uma regra para isso e diversos fatores vão influenciar nesse tempo de duração. Porém, não perde tempo, comece a planejar seu intercâmbio de agora.

Converse com um de nossos consultores, tire suas dúvidas e conheça as modalidades que podem suprir suas necessidades e preferências. 

Fique por dentro de tudo sobre intercâmbio

Compartilhar

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Deixe uma resposta