Saiba o que é intercâmbio e confira o que você precisa para fazer um

Saiba o que é intercâmbio e confira o que você precisa para fazer um

Viver a experiência de intercâmbio está nos planos de muita gente. Outras, não sabem muito bem o que é intercâmbio e quais os benefícios que o programa no exterior pode acarretar para a sua vida. Além disso, tem dúvidas de como funciona o intercâmbio e seus processos.

Fazer intercâmbio é, sem dúvida, uma porta que se abre em vários sentidos. Seja na autoridade que você cria, nas crenças e culturas que você adquire, nos contatos que você constrói e no aprendizado que você conquista. Por isso, falar sobre o que é intercâmbio é importante para que você entenda o começo de tudo.

Nesse sentido, o intercâmbio caracteriza como sendo a ida de um estudante para um outro país, com o intuito seja de estudar e/ou trabalhar no exterior. 

Isso se dá com o objetivo do participante, por exemplo, de aprender uma nova língua, encarar o estilo de vida estrangeiro, conhecer novas pessoas com fins educacionais, profissionais ou pessoais. Além de outras preferências particulares de cada aluno.

Além disso, vale lembrar que as opções de intercâmbio são bastante democráticas e serve desde crianças à adultos, por exemplo. São diversas opções de programa que contam com diversos destinos disponíveis para você.

Se você tem o desejo de passar um tempo fora, mas não sabe como fazer isso, nem por onde começar, fica atento aos próximos passos que vamos te ajudar com o básico e você vai descobrir o que precisa para fazer intercâmbio.

Primeiramente, confira abaixo as oportunidades de programas disponíveis para você explorar o mundo:

  • Curso de Idiomas;
  • Estudar e Trabalhar;
  • Férias Teen;
  • High School;
  • Universidade;
  • Work Experience IE;
  • Au Pair;
  • Trip Experience;

 

Descubra o que você precisa saber para começar a planejar o seu intercâmbio:

 

 

Disponibilidade de tempo

 

As opções de intercâmbio são bastante democráticas se tratando de tempo também. Você pode fazer intercâmbio de um mês, por exemplo, para estudar um idioma no exterior.

Além disso, se optar por um intercâmbio de longo período, pode optar por estudar e/ou trabalhar no exterior, intercâmbio este que te traz parte do retorno de investimento.

Para quem deseja fazer intercâmbio de um ano ou mais, tem a opção de escolha do Au Pair, que conta com requisitos mais abrangentes e é voltado apenas para o público feminino. 

Enfim, a sua disponibilidade de tempo precisa estar alinhada com os seus objetivos e preferências de intercâmbio, certo? Dessa forma, você definirá melhor qual tipo de programa mais combina com você e pode te trazer mais benefícios.

 

 

Investimento

 

Primeiro, entenda que você não gasta com intercâmbio, você investe. É um benefício educacional, profissional e pessoal. Tendo esse pensamento e perspectivas futuras com esse sonho, um planejamento financeiro tende a dar mais certo.

Tendo em vista o tempo de duração do programa que você deseja fazer no exterior, entenda que esse investimento pode ser maior ou menor. Isso não diminui a qualidade do seu programa, só estabelece condições mais favoráveis para você.

 

 

Escolha de Idioma

 

Mesmo o inglês sendo o idioma mais procurado por quem deseja passar um tempo no exterior, outras opções compõem a cartela de idiomas disponíveis para você.

Além da escolha ser bastante pessoal, isso vai acabar variando de acordo com o destino que você optar por fazer intercâmbio. 

O que vale ressaltar é que ser fluente em um idioma que não é o seu, já fará uma enorme diferença mediante suas oportunidades de trabalho, por exemplo.

Espanhol, Francês, Italiano e Coreano são algumas das opções que você pode escolher cursar no exterior, seja para aperfeiçoamento ou para aprendizado desde o nível básico.

 

 

Passaporte

 

A maior parte desse processo é feito on-line, com apenas um atendimento presencial, no posto da Polícia Federal. Você será cobrado uma taxa para a solicitação do passaporte referente ao valor de R$257,25.

Caso você tenha mais de 18 anos, esse passaporte tem uma durabilidade de 10 anos. Caso não, essa validade varia entre 1 e 5 anos.

Você vai precisar separar alguns documentos que vão sofrer variações de acordo com a sua idade, estado civil e afins. Posteriormente vai preencher uma solicitação no site da PF, pagar a taxa de emissão e aí sim agendar o atendimento presencial.

Vai levar os documentos ao posto da Polícia Federal, além de apresentar o comprovante de pagamento da emissão. Por fim, aguardar a data de retirada do passaporte. 

Deu pra perceber que esse processo pode demorar um tempinho né? Sendo assim, esteja atento aos prazos e não deixe nada para a última hora.

 

 

Visto

 

A necessidade e o tipo do visto vão depender do destino escolhido e do tipo de programa. Alguns destinos exigem o estudante ter o visto, outros não, por exemplo.

Mas os vistos mais comuns são os que envolvem estudo, estudo e trabalho e de turismo mesmo, dependendo da duração do intercâmbio e do país de escolha do aluno.

Por isso, esse é o último passo dessa lista, você terá que anteriormente escolher para onde você deseja viajar, optar pelo programa para que tenha noção também do tempo em que vai precisar permanecer no exterior e aí sim verificar a necessidade de visto. 

 

Em suma, essas são algumas informações que você precisa saber para se planejar. Espero que você tenha gostado de saber mais sobre o que é intercâmbio e que já esteja com um papel e caneta na mão para traçar seu perfil, preferências e objetivos com o intercâmbio e planejar. 

Compartilhar

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *