Darwin, Austrália: Descubra a capital do território norte do país

Descubra mais sobre Darwin na Austrália, a cidade verde e praiana do território norte da Austrália! Confira o mapa de Darwin e mais informações!
Compartilhe:

Darwin, na Austrália, é a capital do Território do Norte, no norte do país, com um clima tropical, com chuvas e ciclones na estação úmida e céus azuis e ventos refrescantes na estação seca. 

Tendo sido quase totalmente destruída quatro vezes por ciclones e bombardeios, a cidade de Darwin, Austrália tem uma história de desafios e superações, que vale a pena ser citada.

Darwin, na Austrália, é um importante centro econômico, militar e turístico da região, exportando produtos como gado, minerais e petróleo. 

Ela recebe visitantes interessados em sua natureza, cultura aborígene e sua vida noturna animada. É uma cidade que se orgulha de sua história, de sua cultura e de seu futuro. 

Seja para realizar um curso de inglês na Austrália, visitar o país ou viver a experiência de trabalhar e estudar como um nativo, Darwin tem o que você procura. 

Continue a leitura e descubra tudo sobre a cidade!

Onde fica e como é a cidade de Darwin, Austrália?

Darwin, Austrália é um dos estados mais isolados e menos habitados do país, mas também um dos mais cheios de vida e de diversidade. 

A cidade fica na península de Cox, no litoral norte da Austrália, banhada pelo mar de Timor.

É a capital australiana mais próxima da Ásia, ficando a apenas 3.500 km de distância de Jacarta, na Indonésia, e a 4.000 km de distância de Singapura.

Ela também é a capital mais ao norte da Austrália, estando a cerca de 2.600 km de distância de Adelaide, a capital mais próxima e muito procurada por estudantes que buscam estudar Inglês na Austrália.

Veja no mapa a localização de Darwin:

Darwin, na Austrália, tem um clima tropical, com duas estações bem definidas: a úmida, que vai de novembro a abril, e a seca, que vai de maio a outubro. 

A estação úmida é caracterizada por chuvas intensas, trovoadas  e possíveis ciclones. A temperatura média nessa época é de 32°C durante o dia e 24°C durante a noite. 

Já a estação seca é marcada por céus azuis e ventos refrescantes do oceano. A temperatura média nessa época é de 31°C durante o dia e 19°C durante a noite.

Darwin, na Austrália, tem uma população de cerca de 140 mil habitantes, com uma grande diversidade étnica e cultural e uma história marcada por desafios e superações. 

Ela foi quase totalmente destruída quatro vezes ao longo de sua existência: 

  1. Por um ciclone em 1897;
  2. Por outro ciclone em 1937;
  3. Por bombardeios japoneses durante a Segunda Guerra Mundial;
  4. Por um devastador ciclone em 1974, chamado Tracy. 

Mas em todas as adversidades, a cidade reuniu forças e se reconstruiu, sendo hoje um importante centro econômico, militar e turístico da Austrália, exportando produtos como gado, minerais e petróleo. 

O que fazer em Darwin, Austrália?

Darwin Austrália

Com muita história, cultura e belezas naturais, ela oferece opções de lazer, como:

  1. Museu Defence of Darwin Experience;
  2. Museu e Galeria de Arte do Território do Norte;
  3. RFDS Darwin Tourist Facility;
  4. Parque Nacional de Litchfield;
  5. Cruzeiro pelo pôr do sol;
  6. Crocosaurus Cove;
  7. Mindil Beach Sunset Market;
  8. Jardim Botânico George Brown.

Se você está pesquisando como morar na Austrália ou pensando em visitar o país, temos uma boa notícia.

Darwin, Austrália é uma das cidades mais procuradas para brasileiros que procuram intercâmbio no exterior

Sendo assim, se você tem interesse em viver a experiência do intercâmbio, gosta do país, mas ainda não sabe onde morar na Austrália, conheça os principais pontos turísticos locais:

Museu Defence of Darwin Experience

Uma das atrações mais importantes e imperdíveis de Darwin, na Austrália, é o Museu Defence of Darwin Experience.

Ele conta a história do bombardeio japonês que atingiu a cidade em fevereiro de 1942, durante a Segunda Guerra Mundial. 

O museu possui um acervo impressionante de itens militares, como veículos, armas, uniformes e documentos. 

Além disso, o museu oferece uma experiência interativa e imersiva, com recursos de áudio e vídeo que recriam os momentos dramáticos do ataque. 

Você pode aprender mais sobre esse episódio marcante da história australiana e sentir na pele como foi viver nessa época.

A atração é muito procurada por estudantes, turistas, moradores e intercambistas de curso de inglês na Austrália.

Museu e Galeria de Arte do Território do Norte

Se você gosta de arte e cultura, não deixe de visitar o Museu e Galeria de Arte do Território do Norte, que abriga uma coleção diversificada e fascinante de obras de arte. 

O museu possui exposições permanentes e temporárias, que abrangem desde a arte aborígene até a arte contemporânea, sendo muito procurado por quem escolhe visitar a Austrália

Você pode admirar pinturas, esculturas, fotografias, cerâmicas e muito mais. 

Um dos destaques do museu é a Sala Escura, uma instalação que simula a sensação de estar em um abrigo contra furacões, em referência ao furacão Tracy que devastou Darwin, Austrália em 1974.

RFDS Darwin Tourist Facility

Outra atração que vale a pena conhecer em Darwin, na Austrália, é o RFDS Darwin Tourist Facility, um centro turístico que homenageia duas instituições importantes para a região:

  • O Royal Flying Doctor Service (RFDS), um serviço de saúde aéreo que atende as áreas remotas da Austrália;
  • O Bombing of Darwin Harbour (BDH), um memorial que relembra o bombardeio japonês que ocorreu no porto de Darwin em 1942. 

O centro turístico oferece uma experiência interativa e educativa, com projeções holográficas, realidade virtual, simuladores de voo e muito mais para quem escolhe visitar a Austrália

Você pode conhecer mais sobre o trabalho do RFDS e do BDH, além de apreciar a vista panorâmica do porto de Darwin, Austrália.

Parque Nacional de Litchfield

Se você quer entrar em contato com a natureza exuberante da Austrália, não deixe de fazer um passeio pelo Parque Nacional de Litchfield, que fica a cerca de duas horas de carro de Darwin. 

O parque é um verdadeiro paraíso natural, com cachoeiras, piscinas naturais, formações rochosas, florestas e uma rica fauna e flora. 

Você pode fazer trilhas, nadar nas águas cristalinas, observar os animais selvagens e se encantar com as paisagens deslumbrantes. 

O parque é um dos destinos mais populares entre os turistas e os moradores locais, valendo como boa referência de passeios para quem procura onde morar na Austrália e encontra Darwin na lista.

Cruzeiro pelo pôr do sol

Você pode escolher entre diversas opções de cruzeiros, que variam em duração, preço e serviços oferecidos. 

Alguns cruzeiros incluem jantar, bebidas, música ao vivo e até mesmo shows de crocodilos saltadores. 

Você pode relaxar a bordo de um barco confortável e seguro, enquanto aprecia a vista do sol se pondo no horizonte australiano.

Crocosaurus Cove

Se você quer ver de perto os famosos crocodilos de água salgada da Austrália, uma das melhores opções é visitar o Crocosaurus Cove, um parque temático dedicado a eles. 

O parque possui mais de 70 crocodilos de diferentes tamanhos e idades, além de outras espécies de animais, como tartarugas, cobras, lagartos e peixes. 

Por se tratar de uma experiência diferenciada, é uma atração muito procurada por turistas e estudantes intercambistas de curso de inglês na Austrália.

Você pode aprender mais sobre a biologia e o comportamento dos crocodilos, assistir a shows de alimentação e até mesmo entrar em uma jaula submersa para ficar cara a cara com eles. 

Mindil Beach Sunset Market

Se você quer aproveitar o clima ameno de Darwin e conhecer um pouco da sua cultura e gastronomia, uma ótima opção é visitar o Mindil Beach Sunset Market. 

Ele é um mercado ao ar livre que acontece às quintas-feiras e domingos, entre abril e outubro, muito visitado por quem visita, mora ou deseja entender melhor como morar na Austrália

O mercado oferece uma variedade de produtos artesanais, como:

  • Roupas;
  • Jóias;
  • Souvenirs;
  • Arte aborígene;
  • Entre outros. 

Você também pode experimentar as opções culinárias de diferentes países, como Tailândia, Grécia, Índia, Brasil e outros. 

Tudo isso enquanto desfruta do pôr do sol na praia enquanto aprecia a música ao vivo e as apresentações culturais que animam o mercado.

A atração é muito visitada por intercambistas que escolheram Darwin para sua escolha onde morar na Austrália.

Jardim Botânico George Brown

O jardim ocupa uma área de 42 hectares e possui uma variedade de plantas tropicais, incluindo orquídeas, palmeiras, cactos e bromélias. 

Ao visitar a Austrália e se deparar com o Jardim Botânico George Brown, você pode fazer uma caminhada pelos diversos jardins temáticos, como:

  • O Jardim das Evoluções;
  • O Jardim das Sensações;
  • O Jardim das Orquídeas;
  • O Jardim do Patrimônio.

Não deixe de conhecer também o Centro de Visitantes, que oferece informações sobre a história e a biodiversidade do jardim.

Como visitar Darwin, Austrália?

Se você está pesquisando como morar na Austrália e Darwin tem chamado sua atenção, então saiba que o intercâmbio pode ser a sua melhor escolha para o momento.

Com a possibilidade de aprender um novo idioma, viver a rotina como um nativo e ainda conhecer lugares novos, o programa de intercâmbio oferece tudo o que você precisa para a viagem.

Com a IE, você ainda pode viver a experiência de estudar e trabalhar, facilitando a recuperação do valor investido no curso.

Quer saber mais? Fale com nossos especialistas e responderemos todas as suas dúvidas sobre o intercâmbio em Darwin, Austrália.

Artigos Relacionados