Quanto custa um intercâmbio: tudo que você precisa saber

Compartilhe:

Muitas pessoas têm o sonho de realizar um curso de inglês no exterior, mas não sabem quanto custa um intercâmbio e nem como começar a calcular o valor de um.

Quanto custa um intercâmbio é uma pergunta relativa, pois tudo irá depender do destino escolhido, o período do intercâmbio, a acomodação na qual irá se alocar, a alimentação e diversos outros fatores.

Por isso, nós decidimos criar este artigo para você aprender o que deve levar em consideração quando for calcular quanto custa um intercâmbio. Vamos lá?

Quanto custa um intercâmbio: o que considerar

Quanto custa um intercâmbio: começando a planejar

Não é segredo que o valor de um intercâmbio costuma variar muito a depender de diversos fatores que rodeiam a viagem, o planejamento com antecedência é fundamental para definir quanto custa um intercâmbio e adequá-lo ao seu orçamento disponível.

Nesse sentido, é ideal que você, primeiramente, esteja atento a todas as suas preferências com relação a essa viagem para saber exatamente quanto custa fazer um intercâmbio que combine com seu perfil e objetivos. 

Saiba identificar seus objetivos e metas durante o período que estará fora do Brasil e conheça profundamente as características do seu perfil de intercambista.

Pode parecer besteira mas, depois de identificar quanto custa um intercâmbio, essa é umas das principais dificuldades dos estudantes: se autoconhecer!

Assim, neste artigo iremos apontar os principais elementos que representam o custo do investimento no intercâmbio para aprender um idioma, ingressar em uma universidade ou estudar e trabalhar no exterior.

Para que você possa realizar a conta média de quanto irá investir ao realizar o seu intercâmbio, é necessário levar alguns pontos em consideração. Sendo eles:

  1. Duração;
  2. Destino;
  3. Acomodação; 
  4. Tipo de programa;
  5. Moeda local.

Duração

Mais um dos fatores que vai exercer uma maior influência em cima do valor de um intercâmbio, sem dúvida é a duração do programa escolhido, que pode ser de curta, média ou longa duração.

O que você precisa estar atento é na sua disponibilidade de tempo e, a partir daí, pode-se elaborar um programa de intercâmbio de acordo com o seu objetivo. 

É importante saber que quanto mais semanas, maior o valor a ser investido, assim como quando se fala de carga horária, ou seja, quanto maior o número de aulas por semana, maior é o valor do curso.

Dessa forma, é importante lembrar que além da diferença de valores entre as escolas, há uma diferença na especificidade do curso, na duração e na sua carga horária.

Um ponto de atenção é nas escolas com valores muito inferiores, que normalmente são as que têm mais alunos brasileiros.

Ter muito contato com a língua portuguesa pode atrapalhar na evolução do seu inglês.

Destino

9

Um ponto que vai ser decisivo na hora de definir quanto custa um intercâmbio é o destino escolhido. 

Isso está ligado a todas aquelas despesas que você vai ter com moradia, acomodação, transporte, saúde e afins, ou seja, viver no exterior.

E não é segredo que alguns destinos possuem um custo inferior se comparado a outros, todavia, isso é algo que também está relacionado com suas preferências e objetivos.

Mas, acreditamos que a escolha do seu destino não deve estar pautada única e exclusivamente ao seu poder aquisitivo, correto? 

Para calcular o valor de um intercâmbio, você deve considerar também, o benefício do programa para o seu desenvolvimento pessoal e profissional.

Sendo assim, para que você realmente tenha a melhor experiência com o intercâmbio, alinhe seu orçamento disponível para o programa com fatores como:

  • Objetivo: Estudar um idioma, entrar em uma universidade, trabalhar no exterior;
  • Preferências climáticas: prefiro o frio ou temperaturas mais amenas?
  • Localização: Prefiro cidades maiores ou pequenas? Natureza ou centros urbanos?

Alguns dos destinos mais conhecidos e escolhidos por intercambistas são aqueles que além de multiculturais, tem como uma das principais línguas o inglês. Confira:

Ah e um ponto muito importante é: não deixe a taxa de câmbio te desestimular! Mesmo que a moeda local no país seja mais valorizada do que o Real, ainda assim, o destino pode valer a pena financeiramente.

Por exemplo, na Inglaterra, a Libra Esterlina custa aproximadamente 7 vezes o valor do Real, atualmente.

Todavia, o custo de vida de algumas localidades na Inglaterra é tão baixo que, ao converter o valor de um produto ou serviço para o Real, ele pode ficar ainda mais barato do que se você consumisse a mesma coisa no Brasil.

Acomodação

Outro ponto que influencia o intercâmbio de inglês é a contratação de acomodação.

A hospedagem em uma casa de família, por exemplo, inclui a alimentação e as despesas como energia, internet, água e gás. 

Já nas residências estudantis, o valor dessas despesas pode ser rateado entre todos os estudantes que alugam o espaço, também baixando o custo. 

Além disso, existem outras modalidades de acomodações, como Airbnb e hotéis.

É válido lembrar que, cada opção tem seus prós e contras, e a decisão da melhor acomodação vai depender das suas necessidades e algumas preferências como morar mais próximo do centro ou não, ter mais privacidade etc.

Tipo de programa

Este é um dos fatores que mais pode fazer diferença no valor de um intercâmbio. Isso, porque existem diferentes tipos de programas, um para cada objetivo:

É importante ressaltar que, a depender do curso que você escolher, o investimento pode ser maior ou menor.

Além disso, os programas para trabalhar no exterior, como Au Pair e Work Experience, por exemplo, acabam sendo um pouco mais em conta no final, pelo fato de você receber seu salário na moeda local.

Dessa forma, você tem a possibilidade arcar com seus custos pessoais (ou parte deles) com o seu salário.

E voltando na questão do curso que atende suas necessidades e objetivos, é muito importante estar atento, porque para trabalhar no exterior, é necessário ter o inglês pelo menos intermediário, assim como para entrar em uma universidade e fazer high school.

Entretanto, quem tem o nível de inglês básico, o programa mais indicado seria o curso de idiomas, que é justamente voltado para o aprendizado de uma nova língua.

Moeda local

Outro ponto que ajuda a definir quanto custa um intercâmbio no exterior, é o valor da moeda local.

Sendo assim, intercâmbio em países com moeda mais valorizada frente ao real, indiretamente terão custos mais elevados.

Da mesma forma, países com a moeda menos valorizada frente ao real vão ter custos mais em conta.

E para você ter uma noção do quanto vale o real nos países mais procurados para intercâmbio, vamos deixar alguns valores abaixo (outubro de 2022);

  • 1 dólar americano = R$5,30
  • 1 dólar canadense = R$3,84
  • 1 euro = R$5,14
  • 1 libra esterlina = R$5,81
  • 1 dólar australiano = R$3,32
  • 1 dirham (Emirados Arabes) = R$1,45
  • 1 rand sul-africano = R$0,29

Vantagens do intercâmbio no exterior

As vantagens de se realizar um intercâmbio são praticamente impagáveis. O investimento em educação no intercâmbio ultrapassa a dimensão acadêmica. 

E isso é, definitivamente, uma experiência de vida única.

Abaixo, nós listamos 10 vantagens para que você possa conferir o quanto vale a pena realizar essa viagem: 

  1. Aprimorar ou chegar na fluência de um novo idioma;
  2. Evoluir saindo da sua zona de conforto;
  3. Trabalhar no exterior de forma legal (No Work Experience ou Aupair);
  4. Conhecer o destino a fundo: sua cultura, gastronomia, costumes e tradições;
  5. Enriquecer o currículo profissional;
  6. Ampliar o networking profissional;
  7. Adquirir experiência profissional internacional diferenciada (estudo e trabalho);
  8. Ganhar em moeda estrangeira (estudo e trabalho);
  9. Amadurecimento pessoal;
  10. Adquirir responsabilidade, autonomia e autoconfiança.

Intercâmbio com a IE

Em resumo, essas são algumas das variáveis que vão exercer influência no seu investimento em educação no exterior. 

Além disso, é importante lembrar que, na IE, os intercâmbios podem ser parcelados várias vezes, o que facilita o seu planejamento financeiro, proporcionando mais acesso à educação internacional para diversas pessoas.

E você ainda pode escolher entre uma dezena de países como  por exemplo:

  1. Canadá;
  2. Estados Unidos;
  3. Irlanda;
  4. Inglaterra;
  5. Austrália;
  6. Nova Zelândia;
  7. Malta;
  8. Emirados Árabes;
  9. Espanha;
  10. Alemanha;
  11. Argentina;
  12. África do Sul.
  13. Entre outros.

E agora que você já sabe mais sobre como ter uma ideia de quanto custa um intercâmbio, mesmo sendo algo bastante relativo tendo em vista que são diversas opções de programas, serviços e destinos, que tal começar a planejar o seu?

Basta entrar em contato com um de nossos especialistas, tirar suas dúvidas e começar a organizar a sua viagem para o exterior hoje mesmo!

Receba nossas novidades