Emprego no exterior: 5 dicas para você se preparar para uma entrevista

Emprego no exterior: 5 dicas para você se preparar para uma entrevista

Uma entrevista de emprego no exterior pode gerar bastante ansiedade e medo nos participantes, o que é super normal tendo em vista que pode ser algo muito novo. Por isso, para ajudar você que tem o desejo de se candidatar a um trabalho fora, hoje nós vamos dar algumas dicas preciosas sobre esse processo.

Antes de mais nada, vivenciar a experiência de ter um emprego no exterior pode abrir portas para um mundo de possibilidades, então aproveite a oportunidade para fazer novas amizades, desenvolver novas habilidades e se conhecer mais a fundo.

Por isso, optar por um programa de intercâmbio que te dê a possibilidade de conseguir uma permissão para trabalhar e arranjar um emprego no exterior é a porta de entrada para uma experiência internacional no currículo, além de toda autoridade e responsabilidade adquirida.

Nesse sentido, antes de compartilhar algumas dicas sobre o processo de entrevista para o emprego, trace seu perfil de intercambista. Saiba identificar quais os seus objetivos e preferências com uma viagem como essa.

Não opte por um destino apenas por gosto, identifique as oportunidades e saiba aproveitá-las ao máximo. Um outro ponto importante é não se comparar. Não meça seu processo com base no de outras pessoas, combinado?

Para te ajudar a ter uma experiência mais satisfatória, se sentir mais seguro e confiante em si mesmo, separamos algumas dicas que podem te ajudar. Mas antes, confere alguns destinos que estão disponíveis para você trabalhar:

  • Austrália
  • Canadá
  • Estados Unidos
  • Irlanda
  • Nova Zelândia
  • Emirados Árabes
  • Malta

 

Todos os destinos acima, com exceção dos Estados Unidos, permite você estudar e trabalhar no exterior, certo? Isso porque o governo local concede uma permissão de trabalho para o candidato que tem visto de estudo temporário no destino.

 

Confira 5 dicas para você se preparar para uma entrevista de emprego no exterior:

 

Pesquise sobre o seu destino

Vá além, pesquise sobre o seu destino, a instituição de ensino, a empresa. Sobre o que você puder e tiver acesso. Encontre informações das básicas às mais necessárias e demonstre que se interessou por “estar por dentro” antes.

Logo, não chegue sem saber de nada. Entenda que questionamentos sobre o estilo de vida no país, habilidades com idioma, valores pessoais e profissionais podem vir à tona. Então, se possível, busque averiguar antes se você tem propósitos que combinem com a empresa e se o que você tem a ofertar é necessário e tem valor para ele, como vice-versa.  

 

Atualize seu currículo

Não perca a oportunidade de mostrar e comprovar as suas experiências anteriores, uma delas pode fazer uma diferença enorme na escolha do candidato para a vaga. Evidencie seus pontos fortes e aquelas vivências que mais acrescentaram a você.

Isso demonstra organização também! Logo, atente-se, leia e releia seu currículo e não deixe passar nada de importante, pois mesmo que para você algo tenha sido irrelevante, pode fazer diferença na hora da contratação.  

 

Faça uma auto avaliação

Saiba identificar seus pontos fortes e fracos e tenha coragem de admitir o que não sabe fazer ao mesmo modo que consiga deixar claro que tem sede de aprender e desenvolver novas habilidades. Às vezes, mais do que saber, demonstrar querer, conta mais.

Além disso, esses questionamentos podem aparecer no meio da sua entrevista e você não saber o que dizer. Por às vezes ser difícil falar de nós mesmos, tente pensar nisso antes para que no momento, caso aconteça, você saiba passar a informação com segurança.

 

Multifuncionalidade

Atualmente muitas empresas focam em profissionais que sabem fazer de tudo um pouco e desse um pouco, várias coisas ao mesmo tempo. Nem sempre é fácil e nem sempre isso faz parte da sua rotina, então tente equilibrar as coisas.

Tente buscar na sua memória projetos, trabalhos ou mesmo situações das quais você desenvolveu uma maior habilidade nesse quesito. Porém, trabalhe com exemplos reais, certo? Não vale mentir.

 

Demonstre confiança

Por mais nervoso que você possa ficar durante esse momento, tente trabalhar suas emoções para esse dia. Acredite e confie no seu potencial e no que você tem a oferecer, isso já vai fazer uma enorme diferença durante esse processo.

Ele não necessariamente se tornará mais fácil, mas você vai se sentir mais confortável diante da entrevista. Seja você, com pontos fortes e fracos e evidencie sempre a vontade de aprender e de ensinar o que sabe. 

 

Em suma, essas foram algumas dicas para você que pensa em trabalhar fora do país e viver uma experiência internacional. Porém, se você tem vontade de fazer um intercâmbio, voltado somente para estudo, outras opções estão disponíveis, certo?

Se restou alguma dúvida, curiosidade ou mesmo se você ficou curioso para saber quais os tipos de vagas para um emprego no exterior, entra em contato com a gente. Juntos vamos descobrir o intercâmbio ideal para você e te ajudar nesse processo.

Compartilhar

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *