Pós-graduação no exterior:onde, como e porquê você deve fazer uma

Compartilhe:

Você sabia que existem programas de intercâmbio que oferecem cursos de pós-graduação no exterior?!

É isso mesmo, muita gente desconhece a possibilidade de fazer uma pós-graduação no exterior mas, na verdade, é uma das modalidades de intercâmbio mais procuradas por quem já está atuando no mercado de trabalho.

Isto porque as escolas estrangeiras, principalmente as universidades nos Estados Unidos, no Reino Unido e no Canadá, oferecem alguns dos cursos e pós-graduação no exterior mais renomados no mundo.

Nesse sentido, as opções de cursos de pós-graduação no exterior vão desde um curso de especialização ou MBA no exterior até programas de mestrado e doutorado internacionais.

Mas não é só isso! Tem muitos outros motivos para você investir em uma pós-graduação no exterior!

Continue com a gente e conheça tudo sobre como fazer uma pós-graduação no exterior:

  • Pós-graduação no exterior: o que você precisa saber
  • Por que fazer uma pós-graduação no exterior: principais motivos e vantagens  
  • Maiores destinos e instituições
  • Detalhes do intercâmbio com pós-graduação no exterior
  • Pré-requisitos para continuar seus estudos fora do Brasil

Pós-graduação no exterior: o que você precisa saber

Curso de especialização

Antes de mais nada, se você deseja fazer esse tipo de intercâmbio deve cumprir alguns requisitos básicos e, um deles, é ter conhecimento a nível intermediário do idioma. 

Sendo assim, de cara, essa é uma oportunidade para você aperfeiçoar suas habilidades com um idioma nativo. 

É como se você fizesse duas modalidades em uma só. 

Além de estudar em uma instituição renomada que vai abordar temas técnicos e práticos de uma área específica através de professores nativos e qualificados, você pratica o idioma.

Dessa forma, você tem chances de encontrar possibilidades no mercado de trabalho internacional também, o que vai servir como outro incentivo para estudar. 

Além, claro, do carimbo no currículo, o que sem dúvida vai brilhar os olhos de muitos empregadores.

O programa é extremamente acolhedor e democrático, dificilmente você não encontrará algum curso em uma das suas áreas de preferência. 

Logo, tenha consciência sempre de todas as possibilidades disponíveis para você antes de escolher.

Por que fazer uma pós-graduação no exterior: razões e benefícios

mestrado e doutorado

Em primeiro lugar, esse tipo de intercâmbio se torna ainda mais interessante para quem já se encontra no mercado de trabalho e deseja aperfeiçoar suas habilidades visando um propósito maior.

Ou seja, fazer uma pós-graduação no exterior pode envolver desejos como subir de cargo, trocar de emprego, se tornar empreendedor, entre outras tantas possibilidades. 

Sem dúvida, um curso de especialização ou MBA no exterior pode revelar novos horizontes e abrir muitas portas na sua jornada profissional.

Assim como os programas de mestrado e doutorado podem facilitar a sua carreira acadêmica, se for este seu desejo.

Ao fazer uma pós-graduação no exterior você terá acesso a novas técnicas e conhecimentos que ainda não chegaram no Brasil.

Assim como, vai conviver com professores e outros estudantes de todas as partes do mundo, conhecendo outras formas de estudar e trabalhar, diferentes metodologias e pontos de vista.

Logo, vai desenvolver sua adaptabilidade, autonomia e autoconfiança, destravar todo o seu potencial, suas habilidades e competências para ampliar a sua visão de mundo e de negócios além da visão Brasileira.

Além do mais, a experiência internacional vai enriquecer seu repertório cultural, com a vivência de outros hábitos e a absorção de novos conhecimentos sobre as relações humanas, a natureza e os negócios.

Enfim, confira um resumo com os principais motivos para você fazer uma pós-graduação no exterior, seja um curso de especialização, um programa de mestrado e doutorado ou um MBA no exterior.

Resumo das principais razões e vantagens para você fazer uma pós-graduação no exterior

  • Atualização profissional teórica e prática
  • Vivência de novos costumes e culturas
  • Conhecimento de outros países
  • Enriquecimento do currículo profissional com um certificado internacional
  • Especialização na área de atuação
  • Acesso aos artigos e técnicas mais recentes e relevantes
  • Acesso aos ambientes de mercado mais modernos e competitivos
  • Desenvolvimento de importantes habilidades soft skill, como adaptabilidade, tolerância, aceitação da diversidade, dentre outras
  • Ampliação do networking internacional – professores, estudantes, profissionais de mercado

Agora, depois de desvendar as sensacionais razões e vantagens para fazer uma pós-graduação no exterior, conheça alguns dos principais destinos para intercâmbio com curso de especialização, mestrado e doutorado ou MBA no exterior.

Onde fazer uma pós-graduação no exterior: principais destinos no mundo

mba no exterior

Na verdade, praticamente todos os países do mundo possuem opções de cursos de pós-graduação em diversas áreas.

Sendo assim, se tratando de cursos, áreas como tecnologia, artes, música, gastronomia, marketing, gestão, saúde, negócios, entre tantas outras, contemplam os catálogos de cursos de pós-graduação no exterior.

Entretanto, em algumas áreas específicas, há destinos mais requisitados do que outros, como por exemplo:

  • Itália para curso de especialização em moda, design, arquitetura, restauração e história da arte
  • França para moda, sociologia, gastronomia (inclusive sommelier e vitivinicultura)
  • Alemanha para as áreas de engenharia e tecnologia, dentre outras

De uma forma geral, os maiores destinos para cursos de pós-graduação nas áreas de negócios, tecnologia e empreendedorismo, sem dúvida, são as universidades nos Estados Unidos, no Canadá e no Reino Unido.

No ranking da Times Higher Education (THE, 2022) por exemplo, das 25 universidades mundiais mais bem colocadas, 14 são universidades nos Estados Unidos e outras 8 estão no Reino Unido e no Canadá.

Confira a lista das 25 universidades mais bem ranqueadas no mundo, segundo o THE:

  1. Universidade de Oxford, Reino Unido
  2. California Institute of Technology, Estados Unidos
  3. Harvard University, Estados Unidos
  4. Stanford University, Estados Unidos
  5. University of Cambridge, Reino Unido
  6. Massachusetts Institute of Technology, Estados Unidos
  7. Princeton University, Estados Unidos
  8. University of California Berkeley, Estados Unidos
  9. Yale University, Estados Unidos
  10. The University of Chicago, Estados Unidos
  11. Columbia University, Estados Unidos
  12. Imperial College London, Reino Unido
  13. Johns Hopkins University, Reino Unido
  14. University of Pennsylvania, Estados Unidos
  15. ETH Zurich, Suiça
  16. Peking University, China
  17. Tsinghua University, China
  18. University of Toronto, Canadá
  19. UCL, Reino Unido
  20. University of California, Estados Unidos
  21. National University of Singapore, Singapura
  22. Cornell University, Estados Unidos
  23. Duke University, Estados Unidos
  24. University of Michigan Ann-Arbor
  25. Northwestern University, Estados Unidos

Neste contexto, as universidades nos Estados Unidos são a grande maioria e, por esta razão, oferecem o maior número de cursos de pós-graduação no exterior com excelência de ensino comprovada!

Em segundo lugar, está o Reino Unido com 5 universidades que oferecem cursos de pós-graduação no exterior, incluindo programas de mestrado e doutorado, curso de especialização e MBA no exterior.

E, como é um vizinho bem pertinho dos Estados Unidos, o Canadá é igualmente um popular destino para intercâmbio com pós-graduação no exterior.
Conheça agora, os detalhes do programa de intercâmbio em uma das universidades nos Estados Unidos, Reino Unido ou Canadá, que estão disponíveis na IE.

Intercâmbio com pós-graduação no exterior

Universidades nos estados unidos

O programa de intercâmbio para fazer um curso de pós-graduação no exterior é direcionado para quem já tem uma graduação no Brasil ou fora.

Ele inclui toda a orientação, o planejamento e a organização da sua viagem para estudar fora do Brasil, desde a definição do destino, da escola, da acomodação até na localidade, através das escolas parceiras da IE.

A duração deste programa pode variar de acordo com o período do curso de especialização, MBA no exterior, mestrado e doutorado.

Geralmente, o curso de especialização e o MBA no exterior têm duração de até um ano. Já o mestrado e doutorado, a duração pode variar de 2 a 4 anos, respectivamente, dependendo da modalidade.

Como ingressar em um curso de pós-graduação no exterior?

Todo o processo começa com a decisão do aluno pelo destino e curso dentro da modalidade de intercâmbio. 

Assim como, o que o aluno pode incluir no programa, como acomodação, alimentação e outros serviços.

Tendo isso traçado, um processo burocrático de documentação se inicia, onde diversos documentos e comprovantes devem ser apresentados.

Em seguida, em posse da documentação necessária, dá-se início a solicitação de matrícula, que o aluno deve aguardar até receber o retorno sobre o aceite da instituição.

Posteriormente, é momento de efetuar o pagamento da taxa de ensino, ou , em inglês, além de outras taxas que podem ser cobradas pela universidade antes do início do curso. 

E atenção, fique atento para a necessidade do visto para o seu destino escolhido, que deve ser solicitado com antecedência, assim como outros requisitos, que veremos a seguir.

Pré-requisitos para continuar seus estudos fora do Brasil

curso de especialização

Antes de mais nada, você precisa saber que as universidades nos Estados Unidos e no exterior, de uma forma geral, são bastante sérias quanto ao nível de qualidade do ensino.

Da mesma forma, são extremamente criteriosas para escolher os alunos que poderão fazer os seus cursos de pós-graduação no exterior.

Assim, o candidato à pós-graduação no exterior, deve comprovar, efetivamente, que tem condições acadêmicas e financeiras de ingressar e concluir o curso.

Neste sentido, é fundamental a apresentação do histórico escolar da graduação e de uma carta de recomendação, elaborada por algum professor ou chefe do candidato.

Igualmente, o candidato vai precisar elaborar uma carta de solicitação da vaga, explicando porque a universidade deve aceitá-lo como aluno

Os comprovantes financeiros devem ser apresentados para comprovar que o aluno tem as condições financeiras necessárias para arcar com o curso e para se manter durante o curso de pós-graduação no exterior.

Outro documento de apresentação obrigatória na maioria dos cursos de pós-graduação no exterior é o certificado de proficiência na língua pela qual o curso será ministrado: inglês, espanhol, francês, alemão, dentre outros idiomas.

Para tal, o candidato vai precisar fazer um exame de proficiência no idioma, que consiste em uma prova onde o candidato vai atestar suas habilidades para ler, escrever, compreender e falar como um nativo.

E esta é uma das etapas mais desafiadoras do processo, pois o exame exige muito esforço, comprometimento e concentração do candidato.

Inclusive, para auxiliar o aluno a passar no exame, existe o intercâmbio com curso preparatório, específico para o teste escolhido, que pode variar de acordo com o destino, a instituição e, principalmente, o idioma do curso.

Atualmente, os mais populares para os cursos de pós-graduação no exterior no idioma inglês são:

  1. TOEFL
  2. IELTS
  3. Cambridge

Exame TOEFL para certificar proficiência em inglês

O TOEFL é um dos modelos de teste de proficiência mais populares do mundo e é aceito em mais de 11.000 universidades e outras instituições internacionais em mais de 150 países do mundo.

Além disso, ele é administrado pelo Educational Testing Service (ETS), uma instituição fundada em 1974 e sem fins lucrativos. 

É um tipo de exame muito requisitado nas universidades nos Estados Unidos e Canadá, mas as universidades europeias também aceitam as notas mais altas deste teste, que é dividido em 4 etapas:

  1. Reading
  2. Listening
  3. Speaking
  4. Writing

Cada uma das partes vale até 30 pontos do total de 120 pontos possíveis no exame e, dependendo da pontuação no TOEFL, o candidato pode solicitar a vaga em uma ou outra universidade no exterior.

Para fazer este teste,  o candidato deve acessar o site do TOEFL, se cadastrar, preencher as informações solicitadas, marcar a data do exame e pagar a taxa de inscrição no valor atual de US$215.

O TOEFL pode ser realizado em um centro aplicador autorizado, ou via internet e o prazo de validade da nota é de até dois anos.

Exame de proficiência em inglês IELTS

O IELTS é o teste de proficiência em inglês aceito em aproximadamente 140 países, principalmente na maioria das universidades europeias.

Ele foi idealizado pela Universidade de Cambridge e a nota varia de 0 a 9, onde 0 é a nota atribuída para quem não respondeu a nenhuma questão. 

E nota 9 é para o “usuário especialista”, ou seja, quem tem total domínio da língua, com uso apropriado, preciso e fluente do idioma inglês, demonstrando total tranquilidade e espontaneidade.

A aceitação na instituição vai depender da pontuação exigida, onde as mais competitivas exigem notas acima de 7.5.

Igualmente ao exame TOEFL, a prova do IELTS também é dividida em quatro partes: 

  • Reading
  • Listening
  • Speaking
  • Writing

Você pode agendar o exame através da internet e escolher a cidade, dentre as instituições parceiras autorizadas. E o valor da taxa de inscrição é de R$1.149,00.

Seu resultado é válido e pode ser utilizado por até dois anos.

Exame de fluência em inglês de Cambridge

Igualmente reconhecido em todo o mundo, o teste de Cambridge foca nas situações do dia a dia, para avaliar as competências e habilidades desenvolvidas na comunicação rotineira e eficiente do candidato.

Criado na universidade de mesmo nome, este teste de proficiência em inglês é oferecido em várias modalidades, dentre elas:

  • B2: um certificado que prova que o estudante possui as habilidades necessárias para se comunicar em casos mais exigentes
  • C1 Advanced: nível avançado, demonstrando habilidades que empresas e universidades precisam
  • C2 Proficiency: atesta que o estudante de inglês tem um domínio excelente, habilitado para se comunicar com precisão e competência

Ou seja, o nível de conhecimento de inglês exigido pode variar de acordo com as instituições e os objetivos do candidato.

Assim como a exigência da prova, que também é formada por quatro partes: 

  • Reading
  • Listening
  • Speaking
  • Writing

Atualmente, o valor da prova de Cambridge é cerca de R$900,00 e a validade é de 2 anos.

Além deste exames de proficiência para os cursos na língua inglesa, há outros exames para outros idiomas, cada qual com suas características, como por exemplo:

  • Japonês: JLPT – Japanese Language Proficiency Test
  • Francês: DELF – Diploma de Estudos de Língua Francesa e DALF – Diploma Aprofundado em Língua Francesa
  • Alemão: Goethe-Zertifikat
  • Italiano: CELI – Certificato di Conoscenza della Lingua Italiana ou CILS – Certificazione di Italiano come Lingua Straniera
  • Mandarim: HSK
  • Espanhol: DELE – Diploma de Espanhol como Língua Estrangeira e SIELE – Serviço Internacional de Avaliação da Língua Espanhola

Planeje sua pós-graduação no exterior com a IE intercâmbio

Enfim, se você nos acompanhou até aqui, aprendeu muito sobre a pós-graduação no exterior. 

Entendeu mais sobre como fazer para estudar fora do Brasil, descobriu as maiores vantagens e os principais motivos para você fazer um curso de pós-graduação no exterior.

Desvendou os principais destinos e instituições de ensino, além de conhecer os exames de proficiência em idiomas mais populares e aceitos pelas escolas.

Porém, não esqueça de viajar com o seu objetivo traçado, bem como suas preferências com o destino e o tipo de intercâmbio

É de extrema importância que você consiga identificar qual o seu perfil de aluno, onde e o que você deseja ter nessa experiência.

Por exemplo, você pode cursar Graduação, MBA, Mestrado e Doutorado ou ainda fazer Cursos de Extensão. 
Em conclusão, contate nossos especialistas e conheça a modalidade de pós-graduação no exterior ideal para você, que atenda às suas necessidades e desejos. 

Artigos Relacionados